Empresário pede ajuda para reconstruir loja em PG

A loja MM estofados fica em Oficinas e foi consumida pelo fogo na madrugada da última quarta-feira (04). Além disso, dois veículos ficaram completamente queimados.

VÍDEO
Igor Rosa
O empresário estima um prejuízo de aproximadamente R$350 mil. Ele pede ajuda para reconstruir a loja. | Autor: Igor Rosa

Igor Rosa

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

A loja MM estofados fica em Oficinas e foi consumida pelo fogo na madrugada da última quarta-feira (04). Além disso, dois veículos ficaram completamente queimados. 

Marcelo Pijanowski enfrenta um dos maiores desafios da vida. Na madrugada da última quarta-feira (04) a loja de estofados de propriedade dele foi completamente consumida pelo fogo. Todos os itens do show-room e a estrutura do local viraram cinzas. Além disso, dois veículos que ele utilizava na empresa foram destruídos pelo fogo. Ele está pedindo ajuda para reconstruir o espaço e voltar a atender os clientes e retomar as atividades.

Pijanovwski mora em um imóvel que fica nos fundos da loja. Segundo ele, o incêndio começou por volta das 2h da madrugada. "Eu estava deitado no sofá com minha esposa assistindo as Olimpíadas. Foi Deus que me acordou, eu olhei pela porta e vi as chamas já chegando perto da minha casa. Imediatamente eu pedi para minha esposa pegar meu filho e o nosso cachorro, e abandonamos a casa. Por sorte o fogo não chegou na minha casa, mas a loja ficou completamente destuída", relatou emocionado. 

O empresário atua no ramo há mais de 15 anos e estima um prejuízo de aproximadamente R$350 mil. "Tudo virou cinza. Sofás que eu havia pego no dia do incêndio. Nós temos quatro funcionários e não vou demitir ninguém, porque eles também dependem daqui para sobreviver. Nós vamos reconstruir juntos e entregar todos os serviços que havíamos pegado", desabafa.  

Segundo Marcelo, toda a instalação da loja havia sido feita no ano passado, ele afirma não ter ideia de como tudo aconteceu. "Incêndio criminoso eu não acredito que seja, a loja não foi arrombada e nós não temos inimizades com ninguém. Só Deus sabe. A única coisa que eu posso agora é agradecer pela minha família estar bem. Eu rezei muito para que o fogo não se espalhasse para a casa dos vizinhos. Muros e paredes nós reconstruímos, agradeço de nada mais grave ter acontecido", ressalta. 

O incêndio levou embora toda a estrutura da loja, os estoques, os móveis e os veículos conquistados com o trabalho de muitos anos. "Não sei nem te dizer o que passa na minha cabeça neste momento. Lamento muito o que aconteceu, não tenho palavras para expressar, mas nós vamos recomeçar e isso vai nos deixar ainda mais fortes. Só tenho que agradecer a Deus por minha esposa e meu filho estarem bem e porque o incêndio não se alastrou para minha casa e para a casa dos meus vizinhos. Nós vamos reconstruir a loja, tenho fé nisso", reforça.

Marcelo precisa de doações para iniciar as obras da loja. "Qualquer ajuda é bem vinda. Materiais de construção, dinheiro, o que for. Eu vou recomeçar do zero, mas vou cumprir todas as minhas obrigações. Todos que haviam deixado os sofás para reforma, eu sei exatamente como eram, e vamos nos reerguer e entregar os móveis aos clientes", finaliza. 

Para ajudar Marcelo, basta entrar em contato através do telefone (42) 9 9840-4548, ou fazer uma doação em dinheiro para a chave CPF do PIX 03067132920. Para fazer um depósito bancário, basta usar a conta corrente 0441302-4 da agência 0646 do Bradesco, em nome de Marcelo Pijanowski.