PUBLICIDADE

Projeto de educação financeira motiva alunos em Ortigueira

Temática, com utilização de apostilas e tecnologias, permitiu que quartos anos A, B, C e D da Escola Prefeito Nilson Gorski pudessem resolver problemas matemáticos regulares

VÍDEO
Várias situações do cotidiano, como calcular as compras e conferir o troco foram aplicados | Autor: Divulgação

Dhiego Tchmolo

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Durante a semana os alunos dos quartos anos A, B, C e D da Escola Municipal Prefeito Nilson Gorski, em Ortigueira, pôde trabalhar com um projeto de sistema monetário utilizado as apostilas Max e Sistema Financeira. A professora Cristiane Messias, que trabalhou com as colegas Andressa e Sergiane, comenta a iniciativa que, durante sua execução, teve a presença da equipe da Secretaria de Educação, com as coordenadoras Danielle e Marilza.

“O projeto surgiu com intuito de trabalhar a matemática, mais especificamente o sistema monetário, de forma prática e atrativa, pois a matemática é vista pelos alunos como difícil. A maioria apresenta dificuldades e, como consequência, não aprende, o que gera um grande desinteresse”, aponta a docente.

GALERIA DE FOTOS

  • Projeto de educação financeira motiva alunos em Ortigueira
  • Projeto de educação financeira motiva alunos em Ortigueira
  • Projeto de educação financeira motiva alunos em Ortigueira
  • Projeto de educação financeira motiva alunos em Ortigueira
  • Projeto de educação financeira motiva alunos em Ortigueira
  • Projeto de educação financeira motiva alunos em Ortigueira
  • Projeto de educação financeira motiva alunos em Ortigueira
  • Projeto de educação financeira motiva alunos em Ortigueira
  • Projeto de educação financeira motiva alunos em Ortigueira
  • Projeto de educação financeira motiva alunos em Ortigueira
  • Projeto de educação financeira motiva alunos em Ortigueira
  • Projeto de educação financeira motiva alunos em Ortigueira
  • Projeto de educação financeira motiva alunos em Ortigueira
 

A educadora cita também que este projeto instiga os estudantes a buscarem soluções para solução de problemas do cotidiano de maneira lúdica e significativa, não contramão da espera de respostar do professor ou do livro – o que diminui as dificuldades existentes.

“Ao simular o mercadinho, nos deparamos com várias situações reais, comuns do dia a dia, onde precisamos calcular para fazer as compras de casa, conferir o troco, realizar soma dos produtos, reconhecer rótulos para ver se estão dentro do prazo de valide, entre outros”, complementa Cristiane.

Por fim, a professora cita que os objetivos do trabalho foram: desenvolver a leitura e escrita de cédulas e moedas; construção de um gráfico no tablet em uma ação de grande valia, pois os alunos amam as aulas de tecnologia; desenvolvimento do raciocínio lógico em situações-problemas; construir conceitos de adição, subtração e multiplicação; identificação de cédulas e moedas que circulam no país, reconhecendo o uso cotidiano; além de conhecerem diferentes tipos de textos, como folhetos, embalagens e listas.

Acesse o blog escolar da Escola Prefeito Nilson Gorski clicando aqui.

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE