Professores da UEPG anunciam paralisação dia 3

Assembleia do Sindicato dos Docentes da UEPG aconteceu na tarde desta quarta-feira (27)

Os professores da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) decidiram nesta quarta-feira, 27, em Assembleia do Sindicato dos Docentes da UEPG (SINDUEPG), aderir à greve no dia 3 de dezembro, próxima terça-feira. Atos unificados de sindicatos docentes, unificados e demais categorias do funcionalismo público estão marcados para a data, em Curitiba. Com a decisão, nova assembleia é confirmada para o dia 4, para reavaliação do cenário, que pode dar continuidade ao movimento grevista permanentemente.

“A pressa com que o governo Ratinho Junior está encaminhando a Reforma da Previdência mostra os objetivos dessa gestão, que está centrada em destruir a aposentadoria e a carreira do funcionalismo público. O discurso do falacioso do governo é de equilibrar as finanças, mas, em contrapartida, é um estado que vem diminuindo cada vez mais os direitos dos trabalhadores, com uma arrecadação cada vez mais expressiva. É um sinal claro de que é um governo contrário aos interesses do trabalhador", enfatiza Marcelo Ubiali Ferracioli, presidente do SINDUEPG.  

"A Reforma da Previdência foi o tema de 2019 em nível federal e agora chegou até nós, certamente chegará aos municípios também. O SINDUEPG fez a campanha mais forte possível sinalizando desde o início do ano que, se aprovada a Reforma da Previdência Federal, ela cairia no estado e foi exatamente o que aconteceu”, acrescenta Ferracioli. “A julgar pelo que aconteceu com as licenças especiais, que o projeto tinha 30 emendas e nenhuma foi incorporada, é provável que a proposta foi um termômetro político para saber se tinha condição para a Reforma da Previdência”, relata. “Não adianta tentar emendar. Nós temos que derrubar mais esse ataque com luta”, defende.

“No aplicativo que a APP-Sindicato divulgou, a gente faz uma análise individual e vê o tamanho do estrago. Eu tenho 30 anos de contribuição e vou ter mais 12 (segundo a análise)”, exemplifica o professor Sérgio Gadini. “O central de tudo é uma mobilização, não vejo outra alternativa. Precisamos encontrar maneiras de, já a partir de amanhã, falar que não temos mais tempo a perder, temos de reagir. A única maneira é agora, com todas as nossas forças possíveis, ir pra cima”, defende o professor.

“Sabíamos que isso ia respingar para todo mundo, mas o governo federal fez uma estratégia para tentar dividir os trabalhadores e perdemos a luta. Isso só vai acabar de uma vez quando doer no bolso do andar de cima, quando a classe trabalhadora cruzar os braços e parar todo o processo produtivo. Acho que o caminho é de luta. Quem vai colocar pressão é a base em luta, é a gente fazendo assembleia, decidindo democraticamente”, afirma o tesoureiro do SINDUEPG, Arcelio Benetoli.

“O projeto do governo do estado é aprovar o mais rápido possível a Reforma da Previdência e também ainda este ano a Reforma Administrativa. Nossas carreiras dos servidores do estado serão destruídas”, afirma a vice-presidente do SINDUEPG, Carina Alves Darcoleto. “Vejam quantos ataques à classe trabalhadora ao mesmo tempo. Não são apenas ataques a categorias específicas, sim ao serviço público em geral. A coisa está acontecendo muito rápido e precisamos nos articular com a mesma rapidez. Temos que nos somar a esse ato no dia 3 lá em Curitiba”, defende.

“Convidamos a todos que participem conosco do ato no dia 3. A expectativa é sim de uma forte mobilização e, quem sabe, a partir disso se a gente não derrota, consegue adiar e aglutinar mais forças”, comenta Ferracioli.

 

ENTENDA A REFORMA DA PREVIDÊNCIA ESTADUAL:

- Aumento da alíquota:

Aumento da contribuição de 11% para 14%, incluindo os já aposentados – estes, pagarão 14% sobre valores que passarem de dois salários.

- Perdas salariais:

Com o aumento da alíquota, os servidores perdem 3% de rendimento. Importante lembrar que já há a defasagem de 2% do reajuste.

- Idade mínima:

Segundo a PEC, aqueles que ainda não entraram no serviço público só poderão requerer a aposentadoria aos 62 anos, para mulheres, e 65 anos para homens. Aqueles que já são servidores, passarão por regras de transição para aposentadoria. A idade mínima é de 5 anos a menos para o caso de professores.

- Tempo de contribuição:

O tempo de contribuição estipulado na reforma é de, no mínimo, 25 anos. O servidor deve ter 10 anos de serviço público e 5 no cargo de aposentadoria. Algumas categorias têm idade e tempo de contribuição diferenciados, no caso de servidores com deficiência, policiais civis, agentes penitenciários, agentes socioeducativos ou que trabalhem em funções com exposição a agentes nocivos à saúde.

Batida entre carro e caminhão deixa três feridos na BR-277

Batida entre carro e caminhão deixa três feridos na BR-277...

Tribunal do Júri condena réu que matou homem em bar de PG

Tribunal do Júri condena réu que matou homem em bar de PG...

Carro bate em poste e despenca de barranco na Taunay

Carro bate em poste e despenca de barranco na Taunay...

Petrobras anuncia reajuste de 4% no preço da gasolina

Petrobras anuncia reajuste de 4% no preço da gasolina...

Gusttavo Lima embala PG nesta quinta-feira

Gusttavo Lima embala PG nesta quinta-feira...

Erosão afunda a Sete de Setembro e rua é interditada

Erosão afunda a Sete de Setembro e rua é interditada...

'Asfalto Cidadão' entrega ruas pavimentadas antes do prazo

'Asfalto Cidadão' entrega ruas pavimentadas antes do prazo...

Hospital São Camilo promove jornada de saúde em dezembro

Hospital São Camilo promove jornada de saúde em dezembro...

Feira de Suculentas de Quintal terá mais de 150 espécies

Feira de Suculentas de Quintal terá mais de 150 espécies...

Colunas RC desta quarta-feira (27/11)

Colunas RC desta quarta-feira (27/11)...

Vagas na Agência do Trabalhador para quarta-feira (27/11)

Vagas na Agência do Trabalhador para quarta-feira (27/11)...

Confira seu horóscopo para esta quarta-feira (27/11)

Confira seu horóscopo para esta quarta-feira (27/11)...

Nova decisão da Justiça reduz tarifa para R$ 3,80 em PG

Nova decisão da Justiça reduz tarifa para R$ 3,80 em PG...

Bakri presidirá comissão da previdência estadual

Bakri presidirá comissão da previdência estadual...
Comentários

Deixe uma resposta

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Últimas Notícias

Capa do Dia

CHARGE DO DIA

REDES SOCIAIS