Atlético-MG vence e lidera o Brasileirão; Palmeiras joga hoje

No Nilton Santos, Botafogo e Atlético-MG se enfrentaram pela 17ª rodada do Brasileirão e o Galo levou a melhor

No Nilton Santos, Botafogo e Atlético-MG se enfrentaram pela 17ª rodada do Brasileirão e o Galo levou a melhor
No Nilton Santos, Botafogo e Atlético-MG se enfrentaram pela 17ª rodada do Brasileirão e o Galo levou a melhor -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

No Nilton Santos, Botafogo e Atlético-MG se enfrentaram pela 17ª rodada do Brasileirão e o Galo levou a melhor

A 17ª rodada do Brasileirão Série A pode terminar com o Atlético-MG na liderança da competição. Neste domingo (17), o Galo venceu o Botafogo por 1 a 0, no Nilton Santos, no Rio de Janeiro, e assumiu temporariamente o topo da tabela.

Com o resultado, o time mineiro aparece no primeiro lugar da Série A, com 31 pontos, e agora torce para o Palmeiras (com 30) não somar pontos diante do Cuiabá no último jogo da rodada, nesta segunda-feira (18), no Allianz Parque. A derrota deixa o Alvinegro na 11ª posição, com 21 pontos.

O jogo

Mesmo jogando fora de casa, o Atlético-MG tomou a iniciativa diante do Botafogo e criou as melhores chances de abrir o placar no primeiro tempo no Nilton Santos. No entanto, os visitantes não apresentaram capricho nas finalizações e desperdiçaram as oportunidades. A chegada mais perigosa do Galo foi aos 43 minutos, quando Mariano cruzou na medida para Zaracho, que mandou de cabeça e carimbou o travessão. Do lado do Alvinegro, que não criou muito, Lucas Fernandes levou perigo já nos acréscimos, quando mandou a bola na área após cobrança de falta, mas viu Everson fazer o corte.

Na volta do intervalo, o Atlético quase saiu na frente aos dois minutos. Mariano cruzou na medida para Nacho, que estava livre, mas acabou finalizando para fora. A equipe mineira manteve o ritmo ofensivo e balançou as redes logo depois, aos nove. Zaracho aproveitou sobra após Sauer e Arana disputarem a bola, chutou meio sem ângulo e encobriu o goleiro botafoguense: 1 a 0. O Botafogo passou a se lançar mais ao ataque buscando o empate e levou perigo com Tchê Tchê, Erison, Matheus Nascimento e Lucas Fernandes. Mas o placar não sofreu mais alterações até o apito final.

Com informações da CBF

Conteúdo de marca

Quero divulgar right