PUBLICIDADE

Suspeito de matar vencedor da 'Mega' em SP é preso

Caso foi na última quarta-feira, mas homem só foi encontrado neste sábado pela Polícia Civil

Jonas Alves Dias foi encontrado morto em Hortolândia (SP)
Jonas Alves Dias foi encontrado morto em Hortolândia (SP) -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

O governador de São Paulo, Rodrigo Garcia (PSDB), anunciou neste sábado (17) em sua conta no Twitter que um dos suspeitos do assassinato de Jonas Lucas Alves Dias, vencedor da Mega-Sena em 2020, morto na última quarta-feira (14), foi preso pela Polícia Civil.

Na publicação, Garcia afirmou que investigações levaram a uma conclusão sobre o crime, mas não divulgou nome dos autores. "A Polícia Civil esclareceu o crime do assassinato do ganhador da Mega-Sena, que aconteceu em Hortolândia, no dia 14/09. Um dos criminosos já está atrás das grades. Mais detalhes em breve", disse o governador.

"Ela [a vítima] foi socorrida ao hospital da região onde não resistiu aos ferimentos e faleceu. Seu irmão, de 65 anos, prestou esclarecimentos e relatou que o homem estava desaparecido havia um dia." divulgou a Secretaria de Estado da Segurança Pública do Governo do Estado de São Paulo (SSP-SP).

"A vítima teve aproximadamente R$ 20 mil retirados de sua conta bancária por meio de transferências bancárias e via Pix. O seu cartão de débito também foi levado pelos suspeitos". Em 5 de setembro de 2020, Alves Dias levou o prêmio de R$ 47,1 milhões da Mega-Sena. Na mesma data, outra aposta levou o mesmo valor.

As informações são do Yahoo!

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE