'Eleições mirins' levam trabalho cívico para turma de Irati

Quinto ano A da Escola Rural Esperança Carignano Chuilki utilizou videoaulas do Vamos Ler, estudou sobre cargos eletivos e se destacou com a Presidente da Câmara Mirim do Município

Reflexão tomou conta dos alunos em todo o processo acerca dos cargos eletivos
Reflexão tomou conta dos alunos em todo o processo acerca dos cargos eletivos -

Dhiego Tchmolo

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

O 5º ano A da Escola Rural Municipal Esperança Carignano Chuilki, em Irati, da professora Cassia Andressa Rodrigues Pedrozo, pôde trabalhar sobre os cargos políticos das esferas municipal, estadual e federal. Segundo a docente, o tema gerou bastante interesse por parte dos alunos e teve a apresentação de slides e vídeos sobre o tema, levando mais conhecimento para a turma acerca das funções políticas na sociedade.

“Inicialmente, os alunos conheceram um pouco mais sobre as funções de prefeito e vereador, cargos políticos da esfera municipal. Para motivar ainda mais os alunos sobre as esferas políticas abordadas, a escola contou com a participação do vereador Nei Cabral, o qual residia na comunidade de Guamirim e foi uma figura política conhecida dos alunos”, aponta a docente.

Cassia explica que o vereador se dispôs a explicar mais sobre suas principais atribuições no cargo de vereador, bem como do Executivo Municipal e sanou dúvidas da turma acerca das funções políticas dentro do município. “Infelizmente, o vereador Nei Cabral faleceu recentemente vítima de câncer, deixando a todos os alunos e iratienses um grande legado de conhecimento e atuação política em nosso município”, destaca a professora.

GALERIA DE FOTOS

  • 'Eleições mirins' levam trabalho cívico para turma de Irati
  • 'Eleições mirins' levam trabalho cívico para turma de Irati
  • 'Eleições mirins' levam trabalho cívico para turma de Irati
  • 'Eleições mirins' levam trabalho cívico para turma de Irati
  • 'Eleições mirins' levam trabalho cívico para turma de Irati
  • 'Eleições mirins' levam trabalho cívico para turma de Irati
  • 'Eleições mirins' levam trabalho cívico para turma de Irati
  • 'Eleições mirins' levam trabalho cívico para turma de Irati
  • 'Eleições mirins' levam trabalho cívico para turma de Irati
  • 'Eleições mirins' levam trabalho cívico para turma de Irati
  • 'Eleições mirins' levam trabalho cívico para turma de Irati
  • 'Eleições mirins' levam trabalho cívico para turma de Irati
  • 'Eleições mirins' levam trabalho cívico para turma de Irati
  • 'Eleições mirins' levam trabalho cívico para turma de Irati
  • 'Eleições mirins' levam trabalho cívico para turma de Irati
  • 'Eleições mirins' levam trabalho cívico para turma de Irati
  • 'Eleições mirins' levam trabalho cívico para turma de Irati
  • 'Eleições mirins' levam trabalho cívico para turma de Irati
  • 'Eleições mirins' levam trabalho cívico para turma de Irati
  • 'Eleições mirins' levam trabalho cívico para turma de Irati
  • 'Eleições mirins' levam trabalho cívico para turma de Irati
  • 'Eleições mirins' levam trabalho cívico para turma de Irati
  

Para despertar o interesse e instinto democrático dos alunos, houve a abordagem do processo eleitoral por meio da urna eletrônica, com uma dinâmica na qual a turma simulou a votação após a confecção de uma urna na escola. Houve debates entre a turma, com propostas de melhorias à instituição de ensino e comunidade escolar. As proposições foram apresentadas aos demais colegas e funcionários da escola durante a campanha eleitoral e, por meio de eleição, houve definição dos representantes de turma.

“Durante a campanha eleitoral também foram definidos alguns alunos como fiscais. Os mesmos acompanharam os ‘candidatos’ para verificar se a campanha estava sendo justa e realizada conforme estabelece a lei, ou seja, sem a compra de votos. Os debates e a eleição puderam contribuir, ainda, para a participação da turma em outro projeto, Vereador Mirim, desenvolvido desde 2012 com a intenção de contribuir com a formação crítica e capacidade de atuação política”, relata a docente.

As alunas do 5º ano se destacaram, com a vereadora mirim Emanuelly Ribeiro da Cruz sendo eleita presidente da Câmara Mirim de Irati e tendo Jamilly Graziele Juk como suplente. Por fim, Cássia cita que em outubro ocorrem as eleições gerais para os cargos de presidente, governador, senador, deputados federais e estaduais, sendo de grande importância que os alunos diferenciam as funções de cada um na sociedade, tornando-se cidadãos mais ativos nela.

VÍDEO
null | Autor: Reprodução
  

“Nesse sentido, as aulas do Vamos Ler – Geração Digital contribuíram, e muito, na formação dos alunos, pois através delas, os estudantes conheceram um pouco mais sobre as eleições e os cargos das esferas municipal, estadual e federal”, conclui a professora.

Pedagoga comenta

Quem também pontou o trabalho foi a coordenadora pedagógica Eliane Maria Stroparo, que cita que o trabalho realizado por Cássia foi primordial para a turma, “pois, como este ano é um ano político, e as eleições estão próximas, colaborou para que os alunos pudessem compreender e participar de um processo eleitoral, através da simulação de uma eleição”.

“Também, puderam entender a importância da política na vida de todo cidadão brasileiro, que o voto deve ser democrático e consciente, o que proporcionou que as famílias também refletissem sobre esta temática, levada para as mesmas através do conhecimento adquirido pelos discentes”, complementa a pedagoga.

Acesse o blog escolar da Escola Rural Esperança Carignano Chuilki clicando aqui

Conteúdo de marca

Quero divulgar right