PUBLICIDADE

­­­­Grandes eventos movimentam a hotelaria da região

Agroleite, principal feira pecuária dos Campos Gerais, realizado entre 16 e 20 de agosto, já lotou os hotéis de Ponta Grossa e região

Rede hoteleira registra grande ocupação com eventos do agronegócio
Rede hoteleira registra grande ocupação com eventos do agronegócio -

Fernando Rogala

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Os eventos são importantes atividades para o turismo, por, principalmente, aumentar a taxa de ocupação dos hotéis. E nos Campos Gerais, o maior evento da região volta a acontecer após dois anos sem edição. O Agroleite, por exemplo, realizado em Castro, é o principal evento do ano para o setor, lotando a hotelaria da região e fazendo com que todos os hotéis tenham ocupação máxima em quatro dias de atividades. Para se ter ideia de sua importância, as reservas começam a ser feitas até seis meses antes do evento.

Alecsandra Hypólito é gerente do Premium Vila Velha Hotel, empresa com 100% de ocupação nos dias da feira neste ano. “Em 2020, soubemos que a pandemia era mais séria do que se imaginava quando recebemos a notícia de que a Agroleite havia sido cancelada (...) o que nos deixou gravemente preocupados”, revelou. O cancelamento do evento derrubou pela metade a taxa de ocupação da hotelaria ponta-grossense em agosto de 2020. Em 2019, segundo dados do Ponta Grossa Campos Gerais Convention & Visitors Bureau, o valor médio de hóspedes era de 64%, contra 30% do ano posterior.

Por isso, a edição deste ano, que volta a ser presencial, é comemorada pelo setor. “É uma satisfação muito grande que o evento volte a acontecer, com toda a segurança necessária e trazendo tantos turistas para a nossa região”, ressalta Alecsandra.

Cláudia Barbur também está com ótima expectativa para o Agroleite. A diretora do hotel comenta que as reservas deste ano superaram as de 2019. “A procura está sendo muito grande e já estamos com o hotel praticamente lotado, sobrando pouquíssimas unidades apenas para dia 15”, enfatiza.

Henrique Plattek, diretor do Convention, comemora a movimentação na hotelaria. “Os eventos precisavam voltar e estamos vendo que voltaram com força total, o que é ótimo para um dos setores que mais sofreu com a pandemia que é o turismo. Os grandes eventos são vitrine que gera confiança para eventos menores sejam realizados e eventos médios cresçam mais”.

Dados do Ministério do Turismo, o turista de negócios e eventos gasta, em média, mais de US$ 100 dólares por dia. Na última edição presencial do Agroleite, realizada em 2019, mais de 75 mil participantes passaram pela Cidade do Leite, movimentando cerca de R$ 78 milhões em negócios.

Eventos até o fim do ano animam o setor

Até o fim de 2022, há diversos outros eventos marcados para ocorrer, como o Encontro Paranaense dos Grupos de Apoio às Adoções, Fenata e o 3º Torneio de Tênis dos Campos Gerais. Alecsandra comenta que há eventos adiados em 2020 e 2021 acontecendo neste ano e os novos, como os ligados ao agronegócio. “Para o setor hoteleiro essa perspectiva nos deixa atentos para trabalharmos o atendimento desses clientes, e conquistá-los para que fiquem mais um dia e que conheçam um pouco da nossa cidade e região”. Já Cláudia Barbur enfatiza: “Os eventos são muito importantes para a hotelaria. É a oportunidade que temos para melhorar e muito nossa taxa de ocupação”.

Os principais eventos da região dos Campos Gerais estão disponíveis no site www.pontagrossacvb.com.br/eventos.

Com informações da assessoria de imprensa

Conteúdo de marca

Quero divulgar right