Ratinho libera recursos para a Estrada de Alagados

Serão investidos R$ 7,3 milhões para a execução da obra

Governador Ratinho Júnior cumpriu agenda na cidade de Ponta Grossa nesta segunda-feira.
Governador Ratinho Júnior cumpriu agenda na cidade de Ponta Grossa nesta segunda-feira. -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Serão investidos  R$ 7,3 milhões para a execução da obra

O governador Ratinho Júnior anunciou, na manhã desta segunda-feira (20), a liberação de recursos para a pavimentação da Estrada do Alagados, ligando até a Cachoeira do São Jorge. O valor repassado através da Secretaria de Estado da Infraestrutura e Logística chega aos R$ 7,3 milhões para a obra. 

“Todos esses investimentos dão a sensação de conquista.”, destacou a prefeita Elizabeth Schmidt. 

A revitalização da Estrada Arichernes Carlos Gobbo compreende um trecho de 6,5 quilômetros de extensão e 46,2 mil metros quadrados de área. Os serviços incluem pavimentação poliédrica, drenagem, sinalização viária e complementares. 

“É uma região importante tanto pela produção da agricultura familiar, como para o turismo, fortalecendo os potenciais turísticos que são uma vocação de Ponta Grossa e geram muitos empregos para a cidade e para o Estado”, ressaltou o governador. “Esta obra faz parte de um grande pacote de investimentos em pavimentação em Ponta Grossa, para levar asfalto para os bairros da cidade, para o distrito industrial e, agora, para fomentar o turismo de Alagados”. 

Para o secretário municipal de turismo da cidade, Paulo Stachowiak, “A pavimentação poliédrica da estrada do Alagados é uma conquista para o município, pois auxiliará o desenvolvimento tanto do turismo, quanto do setor da agricultura e do trânsito para moradores da região. Dessa forma, esperamos que a pavimentação intervenha no aumento do número de visitantes nestes locais e provoque uma melhoria na experiência turística”, explica.

A prefeita explicou que a população que vive na região espera há mais de 50 anos pela pavimentação da estrada. “O acesso a Alagados é sempre difícil, principalmente nos dias de chuva. O acesso vai facilitar para quem mora no local, para quem planta e precisa escoar a sua safra e para quem faz turismo no local, que é maravilhoso”, completou Elizabeth Schmidt. 

A obra abrange uma região turística de Ponta Grossa, com atrativos como o cânion e a cachoeira do Rio São Jorge, a Represa de Alagados, a Igreja Santa Bárbara, o Buraco do Padre e toda uma zona rural produtiva da cidade.