Preço da soja dispara e saca chega aos R$ 200 em PG

Grande quebra da safra e guerra na Ucrânia elevaram os preços neste início de ano. Alta é de 22% desde janeiro


O preço da soja disparou nas últimas semanas e o alto preço é observado na região dos Campos Gerais. Nesta semana, o valor de balcão do grão atingiu a marca de R$ 200 a saca de 60 quilos, segundo a cotação diária divulgada pelo Departamento de Economia Rural (SIMA). Ou seja, em outras palavras, o preço bruto pago aos produtores é superior a R$ 3,33 por quilo do grão. É um valor que já está 22,4% mais caro do que era praticado no início do ano, quando o custo era de R$ 164,50 a saca em preços de balcão, no dia 3 de janeiro. O reflexo disso já é visto nos mercados, com o óleo de cozinha subindo de preço, já chegando na casa dos R$ 9. Quando o período analisado é maior, de dois anos, desde fevereiro de 2020, o último mês não impactado pela pandemia, a diferença é ainda maior: no início do mês a saca era vendida a R$ 78 no balcão, o que representa um aumento de quase 160%.

Contudo, como explica o corretor de grãos da SafraSul Corretora, Adriano Carneiro, o preço médio praticado hoje em Ponta Grossa, de R$ 201,50, à vista no balcão, representa um valor mais baixo do que o disponível. Segundo ele, para contratos para os meses seguintes, os valores são mais altos, como R$ 205 para abril e R$ 208 para abril com maio. “O disponível é a soja que está fora da indústria, nos armazéns ou na lavoura”, esclareceu o profissional.

Os motivos para esse grande salto nos valores, explica Carneiro, passam pela velha lei da oferta e demanda: com menos produtos no mercado, em decorrência da seca, o que está disponível ganha valorização. E também à guerra na Ucrânia. “O mercado da soja já era firme antes da guerra. Tem quebra de mais de 20 milhões de toneladas no Brasil. Há quebra na Argentina, no Paraguai; a seca detonou a soja no Sul do país. E no Mato Grosso e Centro Oeste houve excesso de chuvas. Mas essa andada de preço agora foi mais por conta da guerra, que fez a especulação aumentar, e os preços do óleo e farelo subiram, dando mais sustentação”, explicou.

Porém, esse valor atual pode ainda não ser o teto, especialmente se for confirmada uma retração ainda maior nessa safra. “Essa quebra não está definida 100%. É preciso esperar todo mundo colher para ver realmente o tamanho dela; pode ser que aumente. Mas o fator principal é o tamanho da quebra, porque a relação oferta e demanda já estava muito justa”, acrescentou.


Outros produtos também valorizam

O aumento nos preços não é uma exclusividade da soja. O milho, o trigo e o feijão também apresentaram uma alta nos preços. No milho e feijão houveram grandes perdas, inclusive na região dos Campos Gerais, e isso impactou na alta dos preços. No caso do milho, por exemplo, o valor médio do grão no balcão era de R$ 86 no dia 3 de janeiro de 2022, passando para R$ 97 agora no dia 10 de março. O feijão carioca era comercializado a R$ 230, valor que agora passou para R$ 320; e o trigo, que custava R$ 90 a saca em janeiro, agora está em R$ 102.

Usuário quer debater o transporte público

Usuário quer debater o transporte público ...

Ordem de Ponta Grossa inicia projeto ‘Conhecendo a OAB’

Acadêmicos do curso de Direito da UniSecal estiveram realizando uma visita técnica na Ordem dos Advo ...

Plantio da 2ª safra está no fim com altas perspectivas

Plantio da 2ª safra está no fim com altas perspectivas ...

Obras afetam o abastecimento de água em Telêmaco Borba

Trabalhos da Sanepar serão realizados neste próximo domingo (10) ...

Capa da edição desta sexta-feira (08/04/2022) do JM

Capa da edição desta sexta-feira (08/04/2022) do JM ...

Legislativo de Castro debate políticas para a 3ª idade

Projeto deve assegurar os direitos previstos na legislação na política de saúde das Instituições de ...

Reserva recebe projeto da nova Unidade Hospitalar

Prefeito Lucas Machado agradeceu os esforços do secretário estadual Beto Preto e de todos os membros ...

Irati recebe R$ 1,8 milhão para construção de ciclovia

Nova pista de 6,2 quilômetros será construída na área urbana do município ...

Lançado em 2019, Voe Paraná triplica operação aérea no Estado

Lançado em 2019, Voe Paraná triplica operação aérea no Estado ...

Assembleia dará aval sobre novo presidente da Petrobrás

Assembleia dará aval sobre novo presidente da Petrobrás ...

Produção agrícola deve chegar a 269,3 milhões de toneladas,

Produção agrícola deve chegar a 269,3 milhões de toneladas, ...

Nova milionária do Programa Nota Paraná é de Cambé

Nova milionária do Programa Nota Paraná é de Cambé ...

Dallagnol apresenta ‘Movimento 200+’ para lideranças

Objetivo da iniciativa é eleger 200 deputados e senadores, nas eleições deste ano, que tenham como p ...

Prudentópolis anuncia R$ 6,5 milhões para obra em rodovia

Prefeito Osnei Stadler assinou a ordem de serviço nessa quarta-feira (6) ...
Comentários

Deixe uma resposta

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Últimas Notícias

Capa do Dia

REDES SOCIAIS