Cesta básica sobe e arroz tem alta de 30,33% em PG

Dados apresentados pela UEPG nesta quinta-feira (10), mostram variação positiva de 4,14% dos produtos essenciais no período de agosto

O preço médio da cesta básica em Ponta Grossa teve aumento de 4,14% no mês de agosto e passou a custa R$ 610,17, segundo dados divulgados nessa quinta-feira (10) pela Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG). O período analisado foi entre a primeira semana de agosto de 2020 com a primeira semana de setembro de 2020.

Dos 33 produtos que compõem a cesta básica, 24 subiram, oito caíram e um permaneceu constante. O item que teve o maior aumento foi o tomate, com 48,24% e o que produto que mais caiu foi o alho com 38,27%. Em relação aos grupos, a alimentação em geral registrou o maior crescimento, com 8,24%, o que trouxe o aumento do preço da cesta. Dentro deste, o óleo teve variação positiva de 40,77% e feijão um índice negativo de 2,13%.

No grupo de hortifrutigranjeiros, o aumento foi de 7,34%, com o tomate tendo o maior aumento (48,24%) e o alho a menor (38,27%). Passando para as carnes, a cesta básica registrou queda de 3,09%, com o frango na maior alta (4,35%) e a carne bovina tendo a maior variação negativa (5,68%).

Na higiene, o crescimento no mês de agosto foi de 1,03%, com o sabonete tendo alta de 12,5% e o desodorante, na outra ponta, com 2,58% de queda. Para complementar os grupos, na limpeza, houve aumento de 0,01%, com a esponja de aço crescendo 13,84% em um mês e o desinfetante sofrendo variação negativa de 5,75%.

Com relação aos produtos de alimentação geral mais consumidos pelas famílias de Ponta Grossa, o arroz e o óleo, com 99,82% e 95,07% respectivamente, tiveram elevações relevantes e atípicas, conforme aponta a UEPG. O arroz, que vem sendo tema de constante debate, aumentou 30,33% e o óleo 40,77% no período analisado.


Poder de compra

Segundo o poder de compra, com o salário mínimo de R$ 1.045,00 e o valor da cesta básica (preços online) de R$ 610,17, verificou-se que uma família que tem estes dividendos, gasta 58,39% de sua renda. Nas outras faixas, com dois, três, quatro e cinco salários mínimos, observou-se que a aquisição da cesta básica faria com as famílias gastem 29,19%, 19,46%, 14,60% e 11,68% da sua renda.


Dados

Segundo a UEPG, “a equipe de pesquisadores do Núcleo de Economia Regional e Políticas Públicas - NEREPP apresenta o índice da Cesta Básica de Ponta Grossa que afere os preços das compras realizadas por meio do serviço de delivery dos supermercados, ou seja, caracterizando as compras online no respectivo período dos levantamentos, tendo ainda, como base, a Pesquisa de Orçamento Familiar (POF) de 2016”.

PRF registra 151 acidentes com 15 mortes no feriadão

PRF registra 151 acidentes com 15 mortes no feriadão...

Ação promove o resgate de abelhas no Paraná

Ação promove o resgate de abelhas no Paraná...

Doe Amor da Unimed Ponta Grossa faz arrecadação especial

Doe Amor da Unimed Ponta Grossa faz arrecadação especial...

Contran proíbe radares ocultos e restringe lombadas

Contran proíbe radares ocultos e restringe lombadas...

Pauliki propõe solução para ‘gargalo na Av. Souza Naves

Pauliki propõe solução para ‘gargalo na Av. Souza Naves...

Mabel Canto convoca live e candidatura própria ganha força

Mabel Canto convoca live e candidatura própria ganha força...

PG investe para recuperar da iluminação em praças e parques

PG investe para recuperar da iluminação em praças e parques...

JM e aRede levam você ao Cine Flexx Drive-In nesta quinta

JM e aRede levam você ao Cine Flexx Drive-In nesta quinta...

Inscrições para concurso de desenho vão até o fim do mês

Inscrições para concurso de desenho vão até o fim do mês...

Cultura promove ciclo de diálogos sobre Lei Aldir Blanc

Cultura promove ciclo de diálogos sobre Lei Aldir Blanc...

Feriado teve mais acidentes, feridos e mortos nas estradas

Feriado teve mais acidentes, feridos e mortos nas estradas...

Paraná é o segundo estado que mais realiza exames RT-PCR

Paraná é o segundo estado que mais realiza exames RT-PCR...

Falta de atenção é principal causa de acidentes nas estradas

Falta de atenção é principal causa de acidentes nas estradas...

Plauto Miró é contra ao aumento na tabela de cartórios

Plauto Miró é contra ao aumento na tabela de cartórios...
Comentários

Deixe uma resposta

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Últimas Notícias

Capa do Dia

CHARGE DO DIA

REDES SOCIAIS