PUBLICIDADE

Fabio Porchat se pronuncia após polêmica com Gkay

A humorista se ofendeu após uma piada feita pelo apresentador no Melhores do Ano

Apresentador fez piada sobre a humorista no domingo (25)
Apresentador fez piada sobre a humorista no domingo (25) -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Quando a história parecia acabada, um novo capítulo acontece! Fábio Porchat fez um vídeo na segunda-feira (26) no qual afirma que não fez nada humilhante com a também humorista Gkay. Recapitulando, durante os “Melhores do Ano”, o apresentador disse que Jô Soares preferiu morrer ao entrevistar a atriz.

"A minha piada com a Gkay foi sobre a participação horrível dela no programa da Tatá Werneck. Foi uma participação estranhíssima, caótica, ela deu uma entrevista onde ela babava água, saia correndo, a Tatá ficou apavorada, todo mundo viu isso. Todo mundo riu e todo mundo falou 'que loucura, porque ela fez isso, porque ela pirou'", diz.

Então, ele diz que na premiação da Globo falou que "imagina entrevistar a Gkay, nem o Jô ia conseguir". Fábio frisa que a piada não foi sobre morte de ninguém e também não é humilhando ninguém, é dizendo que seria uma loucura entrevistar a humorista e nem o Jô conseguiria o feito.

"O Jô não morreu por causa da Gkay. Eu não fiz uma piada brincando com a morte do Jô. Quando eu digo que o Jô preferiu ter ido do que entrevistar a Gkay, não foi dizendo que o Jô se suicidou, não teve nada disso. Não forcem a barra. Ela disse que o Natal dela foi estragado por essa piada. Eu acho que o Natal dela foi estragado pelo ano dela”, ressalta Porchat.

Ele justifica afirmando que ela fez a entrevista “estranha” na Tatá Werneck, “muito ruim mesmo, que virou motivo de chacota e todo mundo caçoou dela”. Ele ainda pontua que a atriz fez um filme fracasso de público, fracasso de crítica na Netflix. “Eu não estou aqui dando a minha opinião, não. Estou dizendo o que falaram. Ela foi muito criticada como atriz, isso deve ter abalado ela”.

“Ela recebeu um monte de notícia dizendo que ela maltrata pessoas, maltrata funcionários, trata mal a produção, que ela é uma estrela, que ela não sabe lidar com produção. Relatos de colegas, de atores, de comediantes dizendo que ela é insuportável, que não tem como trabalhar com ela. Tudo isso fez um Natal dela, um Natal miserável. A minha piada dizendo que é difícil entrevistar a Gkay, desculpa, não tem nada de humilhante”.

Por fim, Porchat afirma que aprendeu uma lição e essa lição é sobre ter que se pronunciar. Ele conta que tentou deixar isso de lado, mas "como não me pronunciei, a narrativa foi toda para o lado que 'coitada da Gkay, tadinha dela, que foi humilhada e chorar em um canto. Você é um monstro, Fábio”. Ele finaliza pedindo para que as pessoas não se apeguem e deseja melhoras à Gkay.

Tatá Werneck, Rafael Portugal, Felipe Andreoli, Lúcio Mauro Filho, Maurício Meirelles, Nany People e Yuri Marçal foram alguns dos humoristas e famosos que concordaram com o posicionamento de Porchat.

Com informações, Yahoo Notícias

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE