PUBLICIDADE

Primeiro debate de Lula x Bolsonaro será neste domingo

Encontro é organizado pela Band e um 'pool' de veículos de comunicação; debate começa às 20 horas

Encontro é organizado pela Band e um 'pool' de veículos de comunicação; debate começa às 20 horas
Encontro é organizado pela Band e um 'pool' de veículos de comunicação; debate começa às 20 horas -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Na eleição presidencial mais importante desde a redemocratização, Band, TV Cultura, UOL e Folha de S.Paulo se unem novamente em pool para realizar o primeiro debate presidencial do segundo turno das Eleições 2022.

No Grupo Bandeirantes, além da TV aberta, o canal de notícias BandNews, as rádios BandNews FM e Bandeirantes, e os canais Terraviva, AgroMais, Empreender, Band Internacional e BandNews TV Internacional estão unidos aos parceiros para organizar mais um encontro histórico neste domingo (16).

O evento, realizado no principal estúdio da Band em São Paulo, colocará frente a frente, pela primeira vez no segundo turno, Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e Jair Bolsonaro (PL). O formato do programa promete dar aos candidatos todas as condições e tempo suficientes para que eles mostrem suas ideias, suas diferenças e suas propostas para o Brasil.

No primeiro bloco, por ordem de sorteio, cada candidato tem um minuto e meio para responder a uma mesma pergunta feita por um dos mediadores do debate. Jair Bolsonaro é o primeiro a responder. Na sequência, confronto direto entre os candidatos. Cada um tem 15 minutos para administrar entre perguntas, respostas, réplicas e tréplicas. Luiz Inácio Lula da Silva abre o confronto.

Já no segundo bloco, quatro jornalistas dos veículos do pool fazem uma pergunta programática cada. Resposta de um minuto e meio. Os dois candidatos respondem as mesmas perguntas, em ordem definida por sorteio, e assim se alternam até fim. Não há comentário nem réplica. Lula é o primeiro a responder.

No último bloco, os candidatos respondem uma pergunta programática feita por um jornalista do pool. Um minuto e meio para cada. Lula é o primeiro a responder. Em seguida, novo confronto direto entre os dois candidatos. Cada um tem 15 minutos para administrar entre perguntas, respostas, réplicas e tréplicas. Bolsonaro abre o confronto. Por fim, cada candidato tem um minuto e meio para suas considerações finais. Bolsonaro é o primeiro.

Em caso exclusivamente de ofensa moral e pessoal, o candidato poderá solicitar direito de resposta ao mediador, que submeterá a avaliação ao comitê formado por dois jornalistas do pool e um advogado. A resposta, se concedida, será dada no final do bloco e terá o tempo de um minuto.

O encontro será mediado pelos jornalistas Adriana Araújo e Eduardo Oinegue, do Grupo Bandeirantes de Comunicação, nos dois primeiros blocos. No último, a mediação será feita pelo diretor de Jornalismo da TV Cultura Leão Serva e pela jornalista Fabíola Cidral, do portal UOL.

Band e Vibra Digital, empresa spin-off de tecnologia do Grupo Bandeirantes, contam ainda com a parceria do Google, que fornecerá dados de interesse de busca, painéis, inteligência e análises. A Sala Digital, montada no estúdio ao lado do debate, proporcionará uma experiência presencial aos convidados, que poderão acompanhar em tempo real nas telas a “temperatura” da repercussão digital do evento. A partir de dados do Google Trends, a audiência terá acesso aos temas mais pesquisados durante a cobertura eleitoral, que serão analisados pelos usuários na maior plataforma de buscas do planeta. No digital (Band.com.br, Bandplay e Band Jornalismo no YouTube), a partir das 19h e durante os intervalos, a transmissão contará com análises dos interesses do público em todo o Brasil. 

O primeiro debate do segundo turno da corrida presidencial terá transmissão simultânea na TV Cultura, na Band Internacional e BandNews Internacional, no portal UOL, no site da Folha de S.Paulo, no BandNews TV, no Terraviva, no AgroMais, no Empreender, nas rádios Bandeirantes e BandNews FM, no Band.com.br, no Bandplay e no canal Band Jornalismo no YouTube. O público também poderá acompanhar os bastidores nos perfis do Band Jornalismo no Twitter, Instagram e Facebook. O sinal será retransmitido ainda pelo canal CNN Brasil e por centenas de rádios e TVs públicas espalhadas por todo o país.

As informações são de assessoria

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE