PUBLICIDADE

Bolsonaristas bloqueiam BR-277 após resultado das eleições

Para o grupo, pleito de domingo foi uma “fraude eleitoral”; PRF conteve os manifestantes

Rodovia ficou bloqueada por quase uma hora em Guarapuava
Rodovia ficou bloqueada por quase uma hora em Guarapuava -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (PL) queimaram pneus e bloquearam as pistas da BR-277 no trevo de Guarapuava, na noite desse domingo (2), após a confirmação da realização do segundo turno entre Jair Bolsonaro (PL) e Lula (PT).

O protesto foi contra uma suposta “fraude eleitoral” a partir da insatisfação com o resultado do primeiro turno das eleições. Além da interdição, os bolsonaristas gritaram contra o petista: “Lula ladrão, seu lugar é na prisão”. A rodovia ficou interditada por cerca de uma hora. 

A Polícia MIlitar (PM) e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) foram acionadas para conter os manifestantes e liberar a rodovia. Não houve registro de feridos ou de pessoas detidas.

Nota

Em nota, a PRF confirmou as manifestações realizadas na noite deste domingo. Confira a nota na íntegra:

"A Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou duas manifestações em rodovias federais do Paraná no período pós-eleição.  Na BR-277, no trevo principal de Guarapuava, houve interdição de rodovia entre as 22h e as 23h30 de domingo (02). Os manifestantes atearam fogo em pneus sobre a pista. No trevo principal de acesso a Rio Azul, na BR-153, ocorreu interdição de rodovia entre a 0h30 e 2h20 desta segunda (03). Também houve queima de pneus na pista. Em ambos os casos, as equipes da PRF e da Polícia Militar conversaram com os manifestantes, que se retiraram sem necessidade do uso da força. Equipes do Corpo de Bombeiros atuaram na limpeza e retirada do material"

Com informações do portal GMais e assessoria da PRF

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE