Protesto marca um mês de morte de professor

O ato que ocorrerá por meio de um passeio de bicicletas se inicia às 9 horas do próximo sábado

O ato, que ocorrerá por meio de um passeio de bicicletas, se inicia às 9 horas e se direciona até o Centro Cívico.
O ato, que ocorrerá por meio de um passeio de bicicletas, se inicia às 9 horas e se direciona até o Centro Cívico. -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

O ato que ocorrerá por meio de um passeio de bicicletas se inicia às 9 horas do próximo sábado

Uma manifestação na Praça Santos Andrade, sábado (25), vai marcar um mês da morte do professor Aguinaldo Cavalheiro de Almeida, de 48 anos, em razão de um traumatismo craniano decorrente de espancamento durante roubo de sua bicicleta.

O ato, que ocorrerá por meio de um passeio de bicicletas, se inicia às 9 horas e se direciona até o Centro Cívico. Às 10 horas, na Ciclovia Rio Belém, no trecho localizado entre a avenida Cândido de Abreu e a rua Aristides Teixeira, será feita a colocação de uma Bike Branca, protesto em que se instala uma bicicleta para marcar a morte de uma pessoa em decorrência de um acidente ou de violência no trânsito.

Organizada pelo movimento Cicloativismo Curitiba, a manifestação pede maior atenção da Secretaria Municipal de Defesa Social e Trânsito e a melhoria da ciclopatrulha.

Com informações do portal Banda B