Ucrânia estima 60 mortes após bombardeio russo em escola

Local abrigava cerca de 90 pessoas quando foi atingido por bombas das tropas russas

Local abrigava cerca de 90 pessoas quando foi atingido por bombas das tropas russas
Local abrigava cerca de 90 pessoas quando foi atingido por bombas das tropas russas -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Local abrigava cerca de 90 pessoas quando foi atingido por bombas das tropas russas

Um ataque russo a uma escola na província de Luhansk, no leste da Ucrânia, neste domingo (8/5), pode ter deixado pelo menos 60 mortos. O colégio abrigava cerca de 90 pessoas quando foi atingido por uma bomba. Equipes de emergência confirmaram duas mortes e 30 sobreviventes foram resgatados.

Após o ataque, o prédio ficou em chamas durante quatro horas. “Provavelmente, todas as 60 pessoas que permanecem sob os escombros já estão mortas”, disse o governador de Luhansk, Serhiy Haidai, em mensagem no Telegram. O bombardeio também deixou dois mortos na cidade de Pryvillia, vizinha da província. As vítimas eram dois meninos, de 11 e 14 anos.

Com informações do Portal Metrópoles. Leia mais aqui.

Conteúdo de marca

Quero divulgar right