Portal aRede - Aconteceu! Tá na aRede!
Publicidade

Cotidiano

A taxa de crescimento foi de 6,7% até setembro Foto: Divulgação
Fernando Rogala | Cotidiano | 08/11/2019 as 20:39h

Produção industrial do Paraná é a maior do País

Estado manteve a trajetória de crescimento na produção industrial no acumulado do ano até setembro. Desempenho é o melhor desde 2011

A produção industrial do Paraná é a maior do Brasil neste ano. A taxa de crescimento foi de 6,7% até setembro, segundo dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta sexta-feira (8). É o melhor resultado desde 2011. No País, o índice ficou negativo em 1,4%.

O desempenho paranaenses é quase cinco pontos percentuais maior em relação aos números alcançados pela indústria estadual entre janeiro e setembro de 2018, quando o setor cresceu 1,8%. O parque industrial paranaense também registrou variação positiva em outros indicadores: alta de 7,4% no comparativo entre os meses de setembro de 2019 e do ano passado; crescimento de 5,2% em doze meses e de 1,3% de agosto para setembro deste ano.

No ano, o Paraná liderou a produção nacional nos segmentos automotivo e de alimentos. No setor de veículos automotores, reboques e carrocerias a alta foi de 26,2%; máquinas e equipamentos, de 16,1%; fabricação de produtos de metal, de 12,5%; e produtos alimentícios, como carnes e miudezas de aves congeladas, rações, açúcar cristal e carnes de bovinos congeladas, de 7,8%.

Para o governador Carlos Massa Ratinho Junior, o Paraná já conta com uma indústria moderna e diversificada, mas o Estado trabalha para ampliar o número de empresas e empregos. “Neste ano, já são quase R$ 18 bilhões em novos empreendimento produtivos, que deverão gerar 14 mil empregos”, ressaltou.

Júlio Suzuki Júnior, pesquisador do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social (Ipardes), também avalia que o bom momento do setor industrial do Estado, em contraponto ao quadro nacional, é um espelho da confiança do setor empresarial nas políticas de desenvolvimento do Estado. “Estamos mantendo a dinâmica de crescimento desde o início do ano, com um incremento que não é concentrado apenas em um setor industrial", acrescentou.


Variação trimestral

O IBGE também divulgou o crescimento da variação trimestral em relação a 2018. O Paraná tem trajetória ascendente e cresceu 7,9% no 1º trimestre em comparação com os três primeiros meses do ano passado, 7,5% no 2º trimestre e 4,9% no trimestre encerrado em setembro. O comportamento nacional é inverso, com recuos de 1,2%, 0,8% e 2,1%, respectivamente.

Na série com ajuste sazonal entre agosto e setembro de 2019, dez dos 15 locais pesquisados mostraram taxas positivas, acompanhando o crescimento (0,3%) da indústria nacional. O Paraná cresceu (1,3%), ao lado de Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Mato Grosso, Espírito Santo, Minas Gerais, Bahia, Pernambuco, Ceará e região Nordeste.


Anual

Na comparação com setembro de 2018, a indústria nacional mostrou crescimento de 1,1% no mesmo mês de 2019, com seis dos 15 locais pesquisados apontando resultados positivos. Nesse comparativo, o Paraná alcançou alta de 7,4%. Os destaques do Estado foram veículos automotores (46,7%), produtos de metal (19,3%) e máquinas, aparelhos e materiais elétricos (11,6%).


Indicadores mostram aquecimento da economia do Paraná

O Produto Interno Bruto (PIB) do Paraná cresceu 1,05% no segundo trimestre de 2019, em comparação com os três primeiros meses do ano, segundo o Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social (Ipardes). É a maior taxa de crescimento em dois anos e o dobro do resultado nacional, que teve alta de 0,44% no mesmo trimestre. O desempenho paranaense decorreu principalmente dos bons resultados no setor agropecuário e da indústria, o que estimula o otimismo com o aquecimento da economia. 

O Paraná também criou 59.295 vagas formais de emprego entre janeiro e setembro de 2019, de acordo com levantamento do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). Houve crescimento de 2,28% no número de vagas abertas no mercado paranaense em relação ao mesmo período de 2018. O Estado está entre os que mais geraram oportunidades de trabalho no País neste ano, junto com São Paulo, Minas Gerais e Santa Catarina.

O principal impulsionador do emprego no Estado no ano foi o setor de serviços, com saldo de 36.343 novos empregos, crescimento de 3,5% em relação ao mesmo período de 2018 – em setembro deste ano foram 4.341 contratações. A construção civil também indica sinais de plena retomada com crescimento de 8,21% no ano, o que representa 9.883 novas vagas.

O Índice de Atividade Econômica Regional do Banco Central, importante indicador econômico conjuntural, aponta que o Paraná evoluiu 2,4% no acumulado de janeiro a agosto de 2019, muito acima do percentual de -3,1% registrado em 2015, no pior ano da crise econômica, e de 2018 (1%).


Empresas

Em oito meses, a Junta Comercial do Paraná (Jucepar) registrou a abertura de 129.728 novas. O número é 6% maior do que o mesmo período do ano passado (121.834), reforçando o índice de criação de postos de trabalho no Estado. Sociedades empresariais limitadas, empresas individuais e Eirelis (Empresa Individual de Responsabilidade Limitada) puxaram a fila das inscrições. No ano, o saldo entre aberturas e fechamentos é positivo no Estado: 77.870 novos negócios.

Segundo o IBGE, no segundo trimestre de 2019, o número de pessoas ocupadas no Paraná totalizou 5,53 milhões, o que correspondeu a um acréscimo de 130 mil trabalhadores em relação ao segundo trimestre do ano passado. Esse resultado (130 mil), nessa base de comparação, é o melhor desde o terceiro trimestre de 2013.

Informações da AEN


Publicidade

Recomendados

Publicidade

LIVES RECENTES

ao vivo | 20/11/2019 ás 18:19h

George questiona decisão da Sanepar sobre tarifa mínima

Ver Mais
Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Cotidiano 21/11/2019 ás 21:23h
Ponta Grossa 21/11/2019 ás 21:10h
Ponta Grossa 21/11/2019 ás 19:55h
Ponta Grossa 21/11/2019 ás 19:50h
Publicidade
Ponta Grossa 21/11/2019 ás 18:57h
Ponta Grossa 21/11/2019 ás 18:24h
Publicidade
Campos Gerais 21/11/2019 ás 17:38h
Ponta Grossa 21/11/2019 ás 17:18h
Publicidade

PONTA GROSSA

Ponta Grossa | 21/11/2019 ás 17:01h

Vereador quer escolas com aula de educação financeira em PG

Ponta Grossa 21/11/2019 ás 16:33h
Publicidade
Ponta Grossa 21/11/2019 ás 16:20h
Ponta Grossa 21/11/2019 ás 16:02h
Publicidade

COTIDIANO

Cotidiano | 21/11/2019 ás 15:56h

Gugu Liberato sofre acidente e é internado em estado grave

Publicidade
Cotidiano 21/11/2019 ás 08:41h
Publicidade

CAMPOS GERAIS

Campos Gerais | 21/11/2019 ás 15:40h

Lions Clube presta auxílio para famílias de Carambeí

Campos Gerais 21/11/2019 ás 12:12h
Publicidade
Campos Gerais 21/11/2019 ás 11:00h
Campos Gerais 21/11/2019 ás 07:57h
Publicidade

MIX

Mix | 21/11/2019 ás 11:00h

A Fazenda alcança 100 milhões de pessoas em 2019

Publicidade
Publicidade

ESPORTE

Esporte | 21/11/2019 ás 16:00h

Lutadora de PG garante vaga no Campeonato Brasileiro de Judô

Publicidade
Publicidade

INSANA

Insana | 21/11/2019 ás 15:42h

Jovem descobre que gatinho adotado era um puma selvagem

Publicidade
Publicidade

VAMOS LER

Vamos Ler | 21/11/2019 ás 17:10h

Gestoras exaltam família na educação dos alunos durante premiação

AGRONEGÓCIO

Agronegócio | 20/11/2019 ás 21:05h

Apenas 15% dos produtores atualizaram seu rebanho

Publicidade

ROMULO CURY

homem | 21/11/2019 ás 10:20h

Novembro Azul: câncer de mama também atinge homens

BOM DIA ASTRAL

Bom Dia Astral | 21/11/2019 ás 07:00h

Confira seu horóscopo para esta quinta-feira (21/11)

EMPREGOS

Empregos | 21/11/2019 ás 09:00h

Vagas na Agência do Trabalhador para quinta-feira (21/11)

Publicidade

MAIS LIDAS

Ponta Grossa | 19/11/2019 ás 14:03h

Criança reencontra cão desaparecido em PG; veja reação

Ponta Grossa 16/11/2019 ás 16:59h
Ponta Grossa 17/11/2019 ás 11:00h
Ponta Grossa 15/11/2019 ás 07:17h

VÍDEOS

Vamos Ler | 21/11/2019 ás 14:30h

Teixeira Soares leva novo ‘Melhor Texto’ com produção de aluna

Ponta Grossa 20/11/2019 ás 17:44h
Publicidade