PUBLICIDADE

Matéria do JM sobre vacinação chama atenção de alunos em PG

Leitura de reportagem no Jornal da Manhã pelo 4º ano da Escola Professora Adelaide Thomé Chamma fez com que educandos cumprissem papel social para imunização contra a pólio

Alunos interagiram com matéria do JM e puderam realizar questões práticas
Alunos interagiram com matéria do JM e puderam realizar questões práticas -

Dhiego Tchmolo

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

O Jornal da Manhã foi base para um estudo e conscientização acerca das campanhas de imunização no 4º ano da Escola Municipal Professora Adelaide Thomé Chamma em Ponta Grossa. A professora Eliane Cristina comenta que o trabalho partiu do gênero textual reportagem, por meio da leitura de artigo do impresso ‘Saúde de PG convoca pais para vacinação’.

A matéria falava que, na última semana da campanha de vacinação, encerrada no último dia de setembro, cerca de nove mil crianças ainda precisavam ser imunizadas em Ponta Grossa. “Os alunos, lendo sobre esse assunto e também em concordância com a entrevistada do Portal aRede citada na reportagem, Stela de Souza Godoy, coordenadora de imunização de PG, resolveram fazer uma campanha”, aponta a docente.

GALERIA DE FOTOS

  • Matéria do JM sobre vacinação chama atenção de alunos em PG
  • Matéria do JM sobre vacinação chama atenção de alunos em PG
  • Matéria do JM sobre vacinação chama atenção de alunos em PG
  • Matéria do JM sobre vacinação chama atenção de alunos em PG
  • Matéria do JM sobre vacinação chama atenção de alunos em PG
  • Matéria do JM sobre vacinação chama atenção de alunos em PG
  • Matéria do JM sobre vacinação chama atenção de alunos em PG
  

A turma pôde iniciar com um texto de opinião acerca da matéria jornalísticas, bem como as informações adquiridas acerca da doença de paralisia infantil, causada por um vírus e que desde 1989 não conta com casos no Brasil, devido a imunização anual da faixa etária até os cinco anos – conforme cita a educadora. Houve a confecção de bilhetes que foram entregues aos alunos do Infantil para levarem às famílias com locais, horários, frases e desenhos de incentivo à vacinação.

“Dessa forma, buscaram cumprir seu papel social, conscientizando para que os pais e responsáveis levem seus filhos até a unidade de saúde mais próxima e, explicando as crianças que a vacina protege contra doenças e que não precisam ter medo”, complementa a professora.

Por fim, Eliane cita que houve contato com a unidade de saúde Julio Azevedo, que fica a próxima à escola. Lá, informaram-se que mesmo com a campanha encerrada, continuarão havendo vacinas para as crianças que poderão colocar suas carteiras de vacinação em dia. “Segundo relato dos alunos, participar dessas atividades os fez perceberem a importância não apenas da leitura do jornal, mas do prazer de compartilhar o que leu e aprendeu”, conclui a docente.

Acesse o blog escolar da Escola Professora Adelaide Thomé Chamma clicando aqui.

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE