Santa Casa de PG realiza procedimento cirúrgico inédito

Tratamento de hemorragia uterina foi feito devido uma má formação nos vasos do útero (doença rara).

Tratamento de hemorragia uterina foi feito devido uma má formação nos vasos do útero (doença rara).
Tratamento de hemorragia uterina foi feito devido uma má formação nos vasos do útero (doença rara). -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Tratamento de hemorragia uterina foi feito devido uma má formação nos vasos do útero (doença rara).

Na última terça-feira (12), foi realizado um tipo de cateterismo para tratamento de hemorragia uterina pelo Angiorradiologista Dr Luis Henrique Gil França. "Inserimos um cateter pela artéria da virilha e chegamos até a artéria uterina onde injetamos uma substância chamada histoacryl para ocluir esta artéria e consequentemente parar a hemorragia. A paciente tinha uma má formação nos vasos do útero (doença rara). Também fazemos o mesmo procedimento para tratar miomas (tumor benigno do útero) e varizes pélvicas", relata o Dr Luís.

Segundo o referido especialista, este tratamento é uma excelente alternativa para a saúde da mulher, visto que as varizes pélvicas causam dor na menstruação e no ato sexual, desconforto na região pélvica e sangramento uterino. Miomas também causam dor e sangramento e tudo isso pode ser resolvido com cateterismo periférico. Este é um procedimento sem corte, minimamente invasivo e é uma alternativa a retirada cirúrgica do útero.