PUBLICIDADE

Casos de violência doméstica marcam o sábado em PG

Em todos os casos, os indivíduos foram presos pelas autoridades policiais; situações ocorreram no Santa Mônica, Cará Cará, Nova Rússia e Chapada.

Vítimas teriam sido ameaçadas de morte por seus companheiros.
Vítimas teriam sido ameaçadas de morte por seus companheiros. -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Em todos os casos, os indivíduos foram presos pelas autoridades policiais; situações ocorreram no Santa Mônica, Cará Cará, Nova Rússia e Chapada

As equipes de segurança de Ponta Grossa registraram três casos de violência doméstica no último sábado (21), e início desta madrugada de domingo (22), além de um caso de lesão corporal entre um homem e seu padrasto. As situações ocorreram nas regiões do Santa Mônica, Cará Cará, Nova Rússia e Chapada. Em todos os casos, os indivíduos foram presos pelas autoridades policiais.

A primeira situação aconteceu por volta das 13h15 de sábado (21), na Rua Antônio Saad, no Santa Mônica. De acordo com os relatos, os agentes se deslocaram até o endereço para verificarem uma possível situação de violência doméstica. Ao chegarem no local, uma mulher, de 27 anos, afirmou que seu companheiro, de 28 anos, a teria agredido com socos e chutes, além de ter a ameaçado de morte - isso na última sexta-feira (20).

Somente ontem (21), a vítima conseguiu fugir de casa e acionar ajuda policial. Por fim, no momento em que os agentes da Guarda Civil Municipal (GCM) chegaram na residência, encontraram o homem em frente da casa. Ele confessou as agressões e foi encaminhado à 13.ª Subdivisão Policial de Ponta Grossa (13.ª S.D.P.).

Nova Rússia

A segunda ocorrência foi registrada às 21h, do último sábado (21), na Rua Itaciano Teixeira, no bairro Nova Rússia. Segundo o 'Boletim Informativo' do 1.º Batalhão de Polícia Militar (1.º B.P.M.) de Ponta Grossa, um homem teria agredido sua esposa e, durante as vias de fato, também a sua filha. Diante dos fatos, ele foi encaminhado à delegacia do Município.

Chapada

O terceiro caso aconteceu no início da madrugada deste domingo (22), à 1h25, na Rua Rio Amazonas, na região do Chapada. De acordo com as informações, uma equipe da Guarda Municipal foi acionada para atender uma possível situação de violência doméstica. Ao chegar no local, visualizou um homem em frente da casa da vítima. Ao serem questionados sobre o ocorrido, a mulher afirmou que seu esposo havia saído de casa às 13h, e ao retornar, apresentava sinais "alterados". Na sequência, ele a teria a ameaçado de morte, e que caso a mulher chamasse a polícia e ele fosse preso, "quebraria seu pescoço" e a mataria, assim que saísse da prisão. Diante dos fatos, o homem foi encaminhado à 13.ª S.D.P.

Cará Cará

Por fim, a última situação aconteceu por volta das 22h,a na Rua Pintado, na região do Cará Cará. Segundo as informações do 1.º B.P.M., um homem, de 20 anos, teria agredido seu padrasto, sendo necessário encaminhá-lo à casa hospitalar. A equipe policial conseguiu localizar o agressor, que foi encaminhado à delegacia de Ponta Grossa.

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE