X
aRede aRede
(X)
Publicidade

Ponta Grossa

Medida liminar foi deferida pela 2ª Vara Federal de Ponta Grossa Foto: Divulgação
Da Redação | Ponta Grossa | 20/02/2019 as 17:14h

Liminar garante recolhimento de ISS fixo para advogados

Justiça deferiu liminar que torna ilegal dispositivo na lei municipal que revogou o recolhimento do imposto através de um valor fixo. Medida traz economia aos profissionais.

A Justiça deferiu liminar referente à ilegalidade do dispositivo da Lei Municipal nº 13.070/2018 que revoga o recolhimento do ISS fixo para advogados e as sociedades. A decisão foi publicada nesta quarta-feira.

A medida liminar reconheceu a validade do art. 9º, do Decreto-lei 406/68, e do § 6, do art. 13, da Lei 7.500/2004, afastando-se a revogação trazida pela Lei 13.070/2018. Assim, assegurou que o advogado ou sociedade de advogado (que não as sociedades inscritas no simples nacional) pudesse recolher com base no ISS fixo anual. De acordo com o documento, "firmou-se o entendimento de que, a despeito da expressão revogação dos artigos 8º, 10, 11 e 12 do Decreto-Lei 406/68, o tema do ISS fixo, o artigo 9º não foi objeto de revogação, de modo que o regime benéfico de tributação das sociedades profissionais, calculado em razão de cada profissional, remanesce". Ainda segundo o documento, "a Lei Municipal n 13.070/2018, ao revogar os §§ 6º e 9º do artigo 13 da Lei Municipal 7.500/2004 que disciplina, no âmbito municipal a possibilidade da alíquota fixa, extrapolou de sua legitimidade, não estando em consonância com o regime estatuído pelo Decreto-lei n 406/68".

Para o advogado Peter Emanuel Pinto, na época presidente da Comissão de Direito Tributário da OAB Ponta Grossa, que conduziu os estudos para o mandado de segurança, a medida liminar representa uma grande alteração no cenário tributário para os prestadores de serviços jurídicos. “Permitirá que a tributação atual, de até 3% sobre o faturamento anual, seja reduzido para patamares de R$ 486,66 por ano. Isso causa uma proteção aos advogados pessoa física e às sociedades de advogados compostas por pessoas físicas que geralmente sentem um maior peso da tributação do imposto de renda e da contribuição à previdência social”, aponta. Ainda segundo ele, contribui para que advogados em início de carreira possam formalizar sua atuação no mercado, servindo de ferramenta de inclusão no mercado de trabalho.

Legislação

Antes da mudança, a Lei 7.500/2004, a qual cuida do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN), previa em seu artigo 13, parágrafo 6º e seguintes a possibilidade do advogado pessoa física recolher o ISSQN através de valor fixo, levando-se em consideração o grau de qualificação do profissional e periodicidade anual. “Assim, o advogado pessoa física pagava um valor fixo anual, independentemente do faturamento dele no ano”, fala o advogado. “Com o advento da Lei Complementar 157/2016, seu artigo 8º-A trouxe a determinação de que a alíquota mínima do ISSQN fosse de 2% (dois por cento) com incidência sobre o faturamento mensal e destacou que lei ou ato do Município ou do Distrito Federal que não respeitasse esse limite mínimo seria nulo”, complementa.

A discussão foi fomentada a partir de solicitação encaminhada pela Comissão de Direito Tributário da OAB Ponta Grossa, no sentido de avaliar a validade jurídica da revogação do Regime Anual Fixo do Imposto sobre Serviço das sociedades de advogados submetidas ao município de Ponta Grossa. A redação da minuta sugerida como petição inicial teve a participação dos advogados Guilherme Broto Follador, Carlos Eduardo Dutra, Robson Padilha, Danilo Peixoto e Ricieri Gabriel Calixto.

Informações da Assessoria de Imprensa.


Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Ponta Grossa 20/05/2019 ás 19:07h
Ponta Grossa 20/05/2019 ás 17:12h
Campos Gerais 20/05/2019 ás 16:59h
Cotidiano 20/05/2019 ás 16:49h
Ponta Grossa 20/05/2019 ás 16:47h
Campos Gerais 20/05/2019 ás 16:14h
Publicidade

VÍDEOS

Vamos Ler | 20/05/2019 ás 15:48h

Alunos de PG homenageiam patrono da escola

Ponta Grossa 17/05/2019 ás 11:26h
Publicidade

PONTA GROSSA

Ponta Grossa | 20/05/2019 ás 14:34h

Santa Casa afirma que não houve troca de bebês

Ponta Grossa 20/05/2019 ás 13:51h
Ponta Grossa 20/05/2019 ás 11:04h
Ponta Grossa 20/05/2019 ás 08:48h
Ponta Grossa 20/05/2019 ás 08:20h
Publicidade

COTIDIANO

Cotidiano | 20/05/2019 ás 15:34h

GNV mantém alta competitividade no Paraná

Publicidade

CAMPOS GERAIS

Campos Gerais | 20/05/2019 ás 16:04h

Jaguariaíva organiza participação no Dia do Desafio

Campos Gerais 20/05/2019 ás 15:56h
Campos Gerais 20/05/2019 ás 15:40h
Campos Gerais 20/05/2019 ás 15:23h
Campos Gerais 20/05/2019 ás 07:40h
Publicidade

MIX

Mix | 17/05/2019 ás 21:08h

Jane’s Walk, Arranca Toco e Vinyl Club embalam PG

Publicidade

ESPORTE

Esporte | 20/05/2019 ás 14:37h

Ponta Grossa vive as emoções dos 35º Jogos Estudantis

Publicidade

INSANA

Insana | 10/05/2019 ás 12:10h

Empresa procura pessoas para testar colchões dormindo

Insana 29/04/2019 ás 11:25h
Publicidade

VAMOS LER

Vamos Ler | 20/05/2019 ás 15:48h

Alunos de PG homenageiam patrono da escola

AGRONEGÓCIO

Agronegócio | 19/05/2019 ás 11:59h

Ministra lança programa de Bioeconomia nesta semana

Publicidade

ROMULO CURY

ao vivo | 20/05/2019 ás 16:07h

13ª SDP analisa suposta troca de corpos de bebês

BOM DIA ASTRAL

Bom Dia Astral | 20/05/2019 ás 00:05h

Confira o seu horóscopo para esta segunda-feira (20/05)

EMPREGOS

Empregos | 20/05/2019 ás 16:50h

Vagas na Agência do Trabalhador para terça-feira (21/05)

Publicidade

MAIS LIDAS

Ponta Grossa | 18/05/2019 ás 09:35h

Polícia apura troca de bebês falecidos em hospital de PG

Ponta Grossa 14/05/2019 ás 07:27h
Ponta Grossa 16/05/2019 ás 17:36h
Ponta Grossa 16/05/2019 ás 16:12h
Ponta Grossa 15/05/2019 ás 10:02h
Publicidade
Publicidade