Comércio de PG tem a menor queda de vendas do Paraná

Desempenho da região foi o melhor entre as seis analisadas pela pesquisa realizada pela Fecomércio


A região de Ponta Grossa foi a que menos sofreu com a queda nas vendas do comércio varejista no mês de abril, devido à pandemia do novo coronavírus. A pesquisa conjuntural do comércio, realizada mensalmente pela Federação do Comércio de Bens, Turismo e Serviços do Paraná (Fecomércio PR), aponta que a retração das vendas nos quarto mês deste ano foi de 12,9% na comparação com o registrado em abril de 2019. Esse percentual corresponde a menos da metade da média estadual, cuja queda registrada foi de 31,1%. As regiões mais impactadas foram a de Londrina, que teve retração de 41,1%, e de Maringá, onde as baixas chegaram de 44,8%.

Em Ponta Grossa, todos os setores tiveram quedas nas vendas em abril. O menos impactado foi o de supermercados, cuja retração foi de 1,25%. É algo que se diferencia do Paraná, cuja média foi uma alta de 6,25%, apresentando-se como o único segmento com elevação nas vendas, comparado ao mesmo mês no ano anterior. Outro setor menos impactado foi o de materiais de construção, que teve baixa de 4,5%. Por outro lado, os que mais sofreram no município foram os setores de vestuário e tecidos (-39,1%), departamentos (-46%); calçados (-83,2%) e livraria e papelaria (-88,6%).

José Loureiro, secretário municipal de Indústria, Comércio e Qualificação Profissional, além de ser presidente do Sindicato do Comércio Varejista no município (Sindilojas PG), vê os números de abril de forma positiva dentro do cenário estadual. Ele justifica esse desempenho melhor que o das outras regiões às medidas adotadas pelo governo municipal. “Isso aconteceu porque as lojas ficaram abertas. Nós fechamos apenas duas semanas, a partir do dia 23 de março. No dia 6 de abril as lojas já abriram de forma escalonada”, informa. “Em outros lugares, por exemplo, lojas de shoppings ficaram fechadas por cerca de 60 dias”, completa. 

Além disso, explica Loureiro, o escalonamento está funcionando para diversos setores. “Alguns empresários me informaram que venderam, em abril e maio deste ano, mais do que no mesmo período no ano passado, como lojas de enxovais, ferramentas, artigos de luxo”, relata.


Retração no ano é de 6,2%

No acumulado do ano, a retração no mês de abril fez com que o faturamento do setor ficasse no vermelho em Ponta Grossa. Nos quatro primeiros meses deste ano, a queda acumulada é de 6,2%, na comparação com o mesmo período em 2019. É o segundo melhor desempenho, inferior somente aos 5% de queda registrados em Curitiba. No Estado do Paraná, a média de retração é de 9,7%. A região mais impactada é a de Maringá, onde o faturamento do varejo retraiu 19,6% no ano.

Confira as vagas de emprego desta sexta-feira (26/02)

Confira as vagas de emprego desta sexta-feira (26/02)...

Vaquinha arrecada fundos para cadeira de rodas

Vaquinha arrecada fundos para cadeira de rodas...

Confira a Coluna RC desta quinta-feira (25-02)

Confira a Coluna RC desta quinta-feira (25-02)...

Confira seu horóscopo para esta quinta-feira (25/02)

Confira seu horóscopo para esta quinta-feira (25/02)...

Boletim confirma 13 novos casos de covid-19 em Palmeira

Boletim confirma 13 novos casos de covid-19 em Palmeira...

Operação prende suspeitos após série de roubos em Carambeí

Operação prende suspeitos após série de roubos em Carambeí...

PM prende mulher com 141 gramas de crack em Uvaranas

PM prende mulher com 141 gramas de crack em Uvaranas...

PR receberá novos lotes de vacinas com 167,3 mil doses

PR receberá novos lotes de vacinas com 167,3 mil doses...

Jovem é levado ao hospital após cair de escada em PG

Jovem é levado ao hospital após cair de escada em PG...

Comércio de PG foi o único que cresceu no Paraná em 2020

Comércio de PG foi o único que cresceu no Paraná em 2020...

Receita espera receber 220 mil declarações de IR na região

Receita espera receber 220 mil declarações de IR na região...

Um ano de pandemia

Um ano de pandemia...

Crescimento do comércio regional surpreende

Crescimento do comércio regional surpreende...

Reserva deve ampliar ações contra a Covid

Reserva deve ampliar ações contra a Covid...
Comentários

Deixe uma resposta

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Últimas Notícias

Capa do Dia

CHARGE DO DIA

REDES SOCIAIS