Fantasma busca vitória contra o Náutico e nova vida na Série B

Na noite desta sexta, Fantasma recebe o Náutico (PE) para retomar a confiança e evitar a entrada na zona de rebaixamento

Apenas a vitória interessa ao Fantasma, na noite de hoje, contra a equipe pernambucana
Apenas a vitória interessa ao Fantasma, na noite de hoje, contra a equipe pernambucana -

Sebastião Neto

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Com a expectativa de várias mudanças, seja no desenho tático ou na postura em campo, o Operário Ferroviário recebe o Náutico (PE) nesta sexta-feira (5) pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. A bola rola a partir das 19 horas, no Estádio Germano Krüger, e mais uma vez com o Fantasma vendo a zona de rebaixamento da competição nacional no retrovisor; o alvinegro está apenas um ponto acima do CSA, 17º colocado e primeiro time no ‘Z4’ do torneio.

Para o duelo contra os pernambucanos, que estão na vice-lanterna da Série B, o Operário teve praticamente quatro dias de treinamentos em Ponta Grossa; o último deles foi na manhã desta quinta-feira (4) em Vila Oficinas. No gramado, o técnico Matheus Costa pode promover até seis mudanças no time titular do alvinegro, isso porque há a expectativa da estreia do atacante Getterson e também quem serão os substitutos de André Lima e Silvinho, que foram para o Mirassol (SP).

“Estou preparado para jogar, se o professor optar para que eu inicie ou entre no decorrer da partida. Desde o primeiro dia que cheguei estou buscando o melhor ritmo possível”, disse Getterson em entrevista coletiva na manhã desta quinta. Uma das possibilidades é a escalação com três atacantes, onde o estreante formaria o trio ofensivo com Paulo Sérgio e Paulo Vitor; já na defesa, William Machado pode voltar à equipe no lugar de Thales.

Quem também busca um recomeço com a camisa do Operário é o meia Leandrinho, que depois de um longo período lesionado retornou ao time no 2º tempo da derrota contra a Ponte Preta. “Tive um período muito difícil e todos do clube me ajudaram muito, estou pronto para jogar o tempo que for preciso”, destacou.

E o principal objetivo das mudanças é um só: fazer as pazes com a vitória. O último triunfo do Fantasma de Vila Oficinas foi há mais de um mês, quando o Operário conseguiu virar o placar pra cima da Chapecoense por 2 a 1. De lá para cá, foram três derrotas, sendo uma na casa alvinegra – contra o CRB; além disso, o time ponta-grossense tropeçou diante de Sport e Tombense, no Germano Krüger, além de Novorizontino, Brusque e Ponte Preta fora de casa.

CONFRONTO DIRETO

Se o Operário vê com preocupação a aproximação da zona de rebaixamento, a situação do Náutico é ainda pior: a equipe comandada pelo ex-jogador Elano tem apenas 18 pontos e vem de cinco derrotas consecutivas. “O Náutico vem para esse jogo tão pressionado quanto a gente, pelo momento no campeonato. Sabemos que eles têm jogadores de qualidade e vem para jogar o jogo da vida”, projeta Leandrinho.

PROMOÇÃO

Além das novidades esperadas dentro de campo, a diretoria do Grupo Gestor anunciou durante a semana uma promoção de ingressos para a arquibancada geral do ‘GK’, conhecido como setor Prata: o valor da entrada baixou para R$ 60 (inteira) e R$ 30 (meia). Segundo o presidente Álvaro Góes, a ação serve como ‘teste’ para verificar a mobilização dos torcedores em prol do Operário.

Conteúdo de marca

Quero divulgar right