Em SP, zagueiro do Bragantino se envolve em acidente fatal

Defensor de 20 anos emprestado pelo Palmeiras apresentava sinais de embriaguez e se recusou a fazer o teste do bafômetro, segundo a Polícia Civil

Defensor de 20 anos emprestado pelo Palmeiras apresentava sinais de embriaguez e se recusou a fazer o teste do bafômetro, segundo a Polícia Civil
Defensor de 20 anos emprestado pelo Palmeiras apresentava sinais de embriaguez e se recusou a fazer o teste do bafômetro, segundo a Polícia Civil -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Defensor de 20 anos emprestado pelo Palmeiras apresentava sinais de embriaguez e se recusou a fazer o teste do bafômetro, segundo a Polícia Civil

O zagueiro Renan, do Bragantino, se envolveu em um acidente fatal na madrugada desta sexta-feira (22) na altura do quilômetro 48 da Rodovia Alkindar Monteiro Junqueira, que liga a cidade de Bragança Paulista e Itatiba. O carro do jogador de 20 anos atingiu um motociclista de 38 anos, que morreu no local.

De acordo com a Polícia Civil, o defensor apresentava sinais de embriaguez e se recusou a fazer o teste do bafômetro. Ele foi conduzido à delegacia para prestar depoimento sobre o caso durante a manhã.

Renan foi emprestado pelo Palmeiras para o Bragantino em abril deste ano perder espaço na equipe de Abel Ferreira. Até aqui, o jovem disputou oito partidas pelo Massa Bruta e não marcou nenhum gol. O clube, que ainda não se posicionou, monitora o caso.

Este já é o segundo caso de acidente de trânsito fatal envolvendo jogadores do Bragantino. Em dezembro do ano passado, o lateral-esquerdo Ramon foi indiciado por homicídio culposo por atropelar um ciclista quando ainda defendia o Flamengo.