PUBLICIDADE

Mais de mil detentos terão 'saidinha' de fim de ano no PR

Dos 1.297 detentos que saíram em todo o Estado no ano de 2021, 86 não voltaram aos presídios

Dos 1.297 detentos que saíram em todo o Estado no ano de 2021, 86 não voltaram aos presídios
Dos 1.297 detentos que saíram em todo o Estado no ano de 2021, 86 não voltaram aos presídios -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Um total de 1.305 detentos em regime semiaberto e, obedecendo aos critérios estabelecidos na Lei de Execução Penal, serão beneficiados com a saída temporária neste fim de ano. A informação foi confirmada pela Polícia Penal do Paraná.

O montante é maior do que em 2021, quando 1.297 presos tiveram acesso à "saidinha", como é popularmente conhecida. As saídas temporárias ocorrem durante o ano todo em datas comemorativas. A data de saída e de retorno depende de cada Vara de Execução Penal. Neste ano não haverá saída pelo indulto de Natal.

Todas as pessoas privadas de liberdade, com direito a saída temporária, obrigatoriamente, devem estar cumprindo pena em regime semiaberto. Além disso, para obter o benefício, segundo a Polícia Penal, precisam apresentar comportamento adequado, ter alcançado 1/6 (um sexto) de pena cumprida – em caso de condenado primário, ou 1/4 (um quarto) – se reincidente.

Os presos que serão beneficiados com a saída estão em unidades de Maringá, Londrina, Curitiba e Ponta Grossa. Dos 1.297 detentos que saíram em todo o Estado no ano de 2021, 86 não voltaram aos presídios.

Saída temporária vs Indulto de Natal

A saída temporária e indulto são benefícios diferentes. Indulto é um ato de perdão jurídico concedido pelo Presidente da República, por meio de decreto, com base na Constituição Federal.

Indulto é um ato de perdão jurídico concedido pelo Presidente da República, por meio de decreto, com base na Constituição Federal.

Com informações, TNOnline

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE