PUBLICIDADE

Festas de fim de ano: veja dicas de cuidados importantes com a saúde

Problemas devido a exageros com a alimentação estão entre as principais queixas de atendimento

Problemas devido a exageros com a alimentação estão entre as principais queixas de atendimento
Problemas devido a exageros com a alimentação estão entre as principais queixas de atendimento -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Chegamos à época mais esperada do ano. As confraternizações de Natal e Ano Novo sempre alteram a rotina, e possibilitam encontros entre familiares e amigos. As reuniões são regadas às comidas típicas, bebidas alcoólicas e muita emoção em rever parentes que moram distante.

Apesar de o período ser de muita alegria, é preciso redobrar os cuidados com a saúde em geral e evitar os excessos que podem provocar consequências ao bem-estar do corpo.

“É um período que geralmente a população exagera na alimentação e na emoção”, alerta a médica Gisele Abud, diretora Técnica da Unidade de Pronto Atendimento 24h (UPA) Zona Leste, em Santos.

O serviço, referência em urgência e emergência, costuma registrar muitos atendimentos relacionados a problemas com alimentação. No mês de dezembro do ano passado, a unidade atendeu 209 casos, entre eles: diarreia, gastroenterite, infecção intestinal e intoxicação alimentar com náuseas e vômitos.

“Fazemos um alerta especial para os pacientes portadores de diabete mellitus que podem descompensar clinicamente, apresentando hiperglicemia ou cetoacidose diabética devido aos abusos alimentares”, explica a médica.

A UPA pertence a rede pública de saúde da Prefeitura de Santos, gerenciada pela entidade filantrópica Pró-Saúde, funciona 24 horas por dia, sete dias na semana e permanece aberta à população nos feriados e recessos de final de ano, para atendimentos de urgência.

A alimentação é um dos principais pontos de atenção, mas a profissional também alerta sobre os cuidados necessários para não sobrecarregar a saúde do coração com fortes emoções.

“É um momento de ritmo muito frenético, muitas festas, desculpas para não fazer atividades físicas, noites mal dormidas por ansiedade, estresse e cansaço, aumento das contas, autocobrança pelo novo ano que se inicia. Um combo que pode o coração sofrer diante de tantos compromissos e responsabilidades”, detalha a médica.

Dicas de saúde para o fim de ano

Mantenha uma alimentação saudável;

Não fique em jejum até a hora da ceia.

Se alimente normalmente antes das festas;

Evite a ingestão de alimentos embutidos: linguiça, bacon, salsicha, salame, presunto etc.;

Coma devagar e com atenção. Isso ajuda a digestão;

Prefira alimentos leves: frutas e saladas frescas;

Modere o consumo de bebidas alcoólicas;

Tome bastante água;

Mantenha saúde mental: acalme seus pensamentos e organize as atividades;

Descanse nos dias de folga ou recesso e aproveite para cuidar de você;

Siga com as medicações de uso contínuo para tratamento de doenças crônicas como diabete mellitus e hipertensão arterial;

Durma bem e pratique alguma atividade física.

Assessoria de Imprensa

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE