PUBLICIDADE

Ambev apoia empreendedores negros parceiros a promover negócios

Além de incentivar um ecossistema diverso, que conta com mais de 800 profissionais autodeclarados pretos ou pardos, a companhia promoveu a campanha “Novembro Preto” para dar mais visibilidade aos seus parceiros

Empresa trabalha para promover a diversidade também no seu ecossistema de parceiros e fornecedores
Empresa trabalha para promover a diversidade também no seu ecossistema de parceiros e fornecedores -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Depois de superar a meta de aumentar o número de fornecedores pretos e pardos, estabelecida em 2021, a Ambev segue avançando em sua agenda para promover a equidade racial dentro e fora da companhia. Atualmente, a empresa trabalha para promover a diversidade também no seu ecossistema de parceiros e fornecedores, e conta com uma base composta por mais de 800 profissionais autodeclarados pretos ou pardos. Somente durante este ano, foram movimentados mais de R$106 milhões em negócios gerados com empreendedores pretos.

Para contribuir ainda mais com o seu ecossistema, recentemente a Ambev lançou o Bora, programa de inclusão produtiva pelo qual pretende impactar a vida de cinco milhões de pessoas nos próximos dez anos, gerando oportunidades de capacitação, emprego, renda e crescimento compartilhado.

Maurício Delfino, fundador da marca "Da Minha Cor” - site multiprodutos que comercializa produtos inovadores e socialmente inteligentes para a comunidade negra - é um dos fornecedores parceiros da companhia. Segundo ele, a parceria com a companhia proporciona senso de pertencimento, igualdade e segurança aos profissionais. “Com o fortalecimento das boas práticas de ESG na Ambev, mais especificamente no quesito de diversidade de raça, culminando no maior acesso da população, se faz necessário fornecer EPI – Equipamento de Proteção Individual, como toucas descartáveis adequadas para cabelos afro, desenvolvidas e patenteadas pelo Da Minha Cor. Dessa forma iniciamos nossa parceria com a Ambev.”, explica.

A marca fundada por Maurício é uma das empresas que estão participando da campanha recém-lançada “Novembro Preto”, iniciativa em que a Ambev destina parte dos seus espaços de mídia na TV Globo e nas redes sociais da Ambev para a valorização de empreendedores negros da sua base de parceiros e fornecedores. A ação tem o objetivo de reforçar o compromisso da companhia pela equidade racial e promover a inclusão produtiva.

Segundo ele, a campanha é um apoio admirável ao empreendedor negro. “Sozinhos não teríamos condições de realizar uma ação como essa.  O movimento é a demonstração na prática de que o ESG é muito além de uma sigla e está em sinergia com o nosso propósito de fomentar nosso negócio para que cada vez mais pessoas tenham acesso aos produtos que pensamos e desenvolvemos para a comunidade negra.”, afirma.

Outros parceiros reais também participaram da ação. Inicialmente, as ativações foram com a participação de dois bares e cinco fornecedores de São Paulo, Salvador e Rio de Janeiro – Zanzi Bar (BA), Barkus Educacional (RJ), Boteco da Dona Tati (SP), Boutique 08 Eventos (SP), FR Brindes (SP), Diversidade.io (SP) e Da Minha Cor (SP).

Beatriz Santos, sócia-fundadora da edtech “Barkus Educacional” - criada para democratizar o acesso à educação financeira por meio da tecnologia, relata que os empreendedores negros precisam de apoio como este. “Está sendo bem interessante poder participar de uma ação que busca destacar empreendedores negros, porque são essas pessoas que mais precisam de visibilidade. Para além da evidência, precisamos pensar e executar ações de fomento ao empreendedorismo negro, além de dar apoio, por meio de cursos, mentorias e orientação financeira. Nós da Barkus Educacional estamos participando enquanto startup selecionada pela Aceleradora 100+, programa de inovação aberta da Ambev para startups de impacto socioambiental, e sei o quanto essa aproximação foi benéfica para nós. Fico feliz por fazer parte desse movimento e espero que seja apenas o início. Só deste modo, alcançaremos a igualdade racial”, afirma.

Carol Sá Fortes, fundadora da Boutique 08 Eventos, também reconhece a importância do projeto e ressalta que participar da iniciativa é uma realização. “Para nós da Boutique 08, foi gratificante demais ter a oportunidade de organizar o encontro do MOVER para a Ambev e, consequentemente, ser uma das empresas divulgadas no movimento Novembro Preto. Estar ao vivo no programa Encontro com Patrícia Poeta e aparecer no intervalo do Jornal Nacional nos deixou extremamente felizes. A atenção com a agenda de equidade racial - e estar entre os parceiros selecionados pela Ambev - mostra que nosso empenho e dedicação em cada projeto é notado e valorizado. Queremos agradecer publicamente ao time Ambev pelo convite, pois entendemos que mais portas vão se abrir após essa divulgação.”, destaca.

A campanha “Novembro Preto” foi criada pela Agência Africa e conta com filmes e ativações na grade de programação da emissora e em programas como o Encontro com Patrícia Poeta, É de Casa e Domingão com Huck. Para conhecer mais sobre o movimento Novembro Preto e a base de empreendedores parceiros da Ambev, acesse o link: https://www.ambev.com.br/novembropreto 

Trajetória Ambev pela equidade racial

Nos últimos anos, a Ambev reconheceu que tinha uma longa jornada pela frente sobre a temática racial e assumiu compromissos importantes para promover uma agenda de equidade dentro e fora da companhia. Além dessas ações, em 2020 a Ambev assinou os 10 Compromissos das Empresas para a Promoção da Igualdade Racial, anunciou 13 metas específicas para aumentar a diversidade étnico-racial dos seus líderes e da sua cadeia de valor, além de constituir um comitê de especialistas externos relacionados à pauta.

A companhia também lançou o Estágio Representa - programa exclusivo para pessoas pretas, fechou parceria com o MOVER – Movimento de Equidade Racial, iniciativa que reúne atualmente 47 grandes empresas do País em um movimento inédito para promover a equidade racial, que ambiciona gerar 10 mil novas posições de liderança para pessoas negras e gerar oportunidades para 3 milhões de pessoas nos próximos anos por meio de ações práticas.

Neste ano, a Ambev avançou nas ações de equidade racial e acelerou o desenvolvimento de líderes negros para ocuparem posições seniores e de lideranças, com o programa Dàgbá - Líderes do Futuro.

A Ambev tem consistência em seus projetos e já colhe frutos importantes com as suas iniciativas, como a superação do número de colaboradores negros nos cargos de liderança - a meta previa a contratação de 200 profissionais entre janeiro e dezembro de 2021. Até hoje, dentro do perfil estipulado, já foram incorporados mais de 500 profissionais ao quadro de líderes. A companhia também foi reconhecida em duas categorias no IERE – Índice de Equidade Racial Empresarial de 2021 e foi destaque na inclusão étnico-racial da pesquisa Ethos/Época 2022. Essas primeiras conquistas foram possíveis com o trabalho de um time direcionado promover as iniciativas pela equidade dentro e fora da companhia. 

As informações são da assessoria de imprensa

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE