PUBLICIDADE

Empresa de biotecnologia transforma osso em negócio multimilionário

Grupo cresceu no mercado odontológico e lidera o setor dentário latino americano, devendo fechar o ano com R$35 milhões

Os irmãos Braga, filhos de Francisco, hoje lideram a empresa
Os irmãos Braga, filhos de Francisco, hoje lideram a empresa -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

100% brasileira, a empresa que conta com um histórico de mais de 30 anos de investigação no segmento odontológico, tem como grande missão baratear os produtos de alta qualidade para cirurgias dentárias com o intuito de ajudar pessoas que perderam a função mastigatória ou os dentes. 

Fundada em 2006 por Francisco Braga e seus filhos André e Felipe, a Criteria é voltada ao mercado odontológico. Apesar de ser uma empresa relativamente nova, as pesquisas na área começaram no final dos anos 80, quando Francisco Braga teve conhecimento dos substitutos ósseos advindos do osso bovino, algo que na época era consagrado na Europa, mas desconhecido no Brasil, o engenheiro então, percebeu um grande espaço para inovar na área de implantes dentários no nosso país. 

Os irmãos Braga, filhos de Francisco, que hoje lideram a empresa, faturaram R$24 milhões no ano passado e devem faturar R$35 milhões esse ano. A meta é buscar os R$100 milhões por ano até o final de 2025.  

Desde sua fundação, a Criteria contabiliza com um crescimento médio anual de 30%, nos últimos três anos esse número chega a 110%. A empresa ainda conta com a maior fábrica de biomateriais da América Latina, localizada em São Carlos, onde fabrica ossos em pó, enxertos ósseos, membranas de colágeno e politetrafluoretileno para procedimentos dentarios. A instalação conta com 50 máquinas da melhor tecnologia do mercado e chega a fazer 2000 produtos por dia.

 Hoje, a Criteria é a maior empresa da indústria odontológica da América Latina e além de vender para todo o território nacional, também exporta seus produtos para diversos países como Colômbia, Equador, Uruguai, Paraguai, Chile, Panamá, República Dominicana, México e Costa Rica.

Por serem fabricados em território nacional, os produtos da Criteria são 60% mais baratos que os principais concorrentes do exterior e contam com a mesma qualidade, fato comprovado em estudos científicos realizados por diversas faculdades incluindo a UNICAMP. Com isso, a empresa cumpre a sua missão de baratear os produtos de alta qualidade para democratizar cirurgias dentárias.

O uso destes implantes dentários se torna cada vez mais amplo e popular para tratamento de pacientes que apresentam elementos dentários condenados. A biotecnologia possibilita a sua utilização em leitos de difícil acesso e minimamente invasivos.

A Criteria teve um crescimento de 40% em vendas na pandemia, algo muito significativo. Isso aconteceu por ter um produto mais acessível e até melhor que o dos seus concorrentes, mostrando que o material possui qualidade e preço, agrada o mercado e é compatível com a realidade do nosso país. Outra comprovação de que a Criteria conquista cada vez mais espaço no mercado com o seu produto nacional de qualidade e tecnologia de ponta. A perspectiva é de que até o final de 2023 a empresa comece a atuar na América do Norte.

As informações são da assessoria de imprensa

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE