PUBLICIDADE

PF prende segurança do Maracanã por fraudes em série

O suspeito foi preso ao chegar para trabalhar neste domingo, antes do duelo entre Flamengo e Athletico

O suspeito foi preso ao chegar para trabalhar neste domingo, antes do duelo entre Flamengo e Athletico
O suspeito foi preso ao chegar para trabalhar neste domingo, antes do duelo entre Flamengo e Athletico -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

A Polícia Federal (PF) cumpriu, na manhã deste domingo (14), mandado de prisão expedido pelo Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro contra um homem acusado de roubos em série. Policiais federais fizeram diligências no estádio do Maracanã, na zona Norte do Rio, e conseguiram prender o foragido. O suspeito, que fazia parte da segurança do estádio, foi preso ao chegar para trabalhar.

Ele foi encaminhado ao sistema prisional do estado, onde permanecerá à disposição da Justiça. A pena para o crime de roubo varia de quatro a 10 anos de reclusão.

Fraudes

O portal Metrópoles revelou nesse sábado (13) que um vigilante, lotado na Superintendência do Polícia Federal em Brasília, é investigado por integrar organização criminosa que fraudou R$ 30 milhões do auxílio emergencial. Segundo as apurações, ele ostenta vida de luxo nas redes sociais. O homem, de 25 anos, teria recebido ao menos R$ 200 mil provenientes do esquema ilegal.

De acordo com o Ministério Público Federal (MPF), o segurança “ostenta nas redes sociais um padrão de vida incompatível com a renda de um vigilante terceirizado da Polícia Federal”. O perfil dele no Instagram está repleto de fotos de viagens a praias paradisíacas. Apurações apontam que o investigado cedia sua conta bancária para a movimentação fraudulenta dos recursos.

As informações são do Metrópoles

Conteúdo de marca

Quero divulgar right