Plauto entrega a Sergio Moro título de Cidadão Benemérito

A honraria foi entregue pelo deputado Plauto Miró Guimarães (União).

A honraria foi entregue pelo deputado Plauto Miró Guimarães (União).
A honraria foi entregue pelo deputado Plauto Miró Guimarães (União). -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

A honraria foi entregue pelo deputado Plauto Miró Guimarães (União).

O ex-juiz federal Sergio Moro recebeu nesta segunda-feira (25), o Título de Cidadão Benemérito do Paraná. A honraria foi entregue pelo deputado Plauto Miró Guimarães (União).

A iniciativa da homenagem, de autoria do deputado Plauto, foi aprovada em plenário, por unanimidade, em 2014. Moro agradeceu e ressaltou a honra em receber a homenagem “Nasci em Maringá, já morei em Cascavel, hoje moro em Curitiba e já percorri todo o estado. Fico muito honrado porque sou cidadão paranaense”, ressaltou Moro.

Motivações

As inúmeras ações de Sergio Moro como magistrado foram apontadas como justificativas plenamente plausíveis para a concessão do Título ainda em 2014. “Muito antes de ganhar destaque com a Operação Lava-Jato, Moro já havia mostrado que era merecedor desta homenagem”, aponta o deputado.

O título de Cidadão Benemérito é entregue a pessoas que nasceram no Paraná e se destacaram pelos serviços prestados ao Estado. “quando este título foi aprovado em 2014, Sergio Moro estava cumprindo suas funções como juiz. “Hoje entrego este com muita alegria, não só por ele ser um cidadão paranaense, mas principalmente por ter um grande laço familiar com Ponta Grossa” lembrou o deputado Plauto.

Quem é Sério Moro?

Sergio Fernando Moro nasceu em Maringá, e tem pais pontagrossenses “quando eu era criança ia muito para lá passar minhas férias” contou. Moro tem 49 anos, é formado em Direito pela Universidade Estadual de Maringá (UEM), com mestrado e doutorado em Direito pela Universidade Federal do Paraná (UFPR),instituição em que também lecionou. Em 1996 conquistou a vaga de juiz federal. Atuou ainda nos processos relacionados ao escândalo do Banestado, Operação Farol da Colina e foi juiz auxiliar no caso do Mensalão.