Esposa de ex-jogador do 'Timão' morre após velório do marido

Sobrinha do casal comunicou o ocorrido; Ademir participou o título paulista do Corinthians em 1977

Sobrinha do casal comunicou o ocorrido; Ademir participou o título paulista do Corinthians em 1977
Sobrinha do casal comunicou o ocorrido; Ademir participou o título paulista do Corinthians em 1977 -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Sobrinha do casal comunicou o ocorrido; Ademir participou o título paulista do Corinthians em 1977

Ex-jogador do Corinthians na década de 1970, Ademir Gonçalves morreu na última sexta-feira aos 75 anos. Após o velório do ex-zagueiro neste sábado, a esposa, Elisabete Aparecida Bagnoli Gonçalves, também faleceu. Nas redes sociais, a sobrinha do casal, Fernanda Bagnoli, divulgou o comunicado.

"Com o coração arrebentado de tristeza tanto quanto de gratidão e amor por tudo o que partilhamos, comunicamos que o nosso capitão Ademir Gonçalves retorna à vida espiritual. Esse ser humano fantástico nos fez maiores e melhores todos os dias de nossas vidas. Honraremos o privilégio de tê-lo tido conosco perseguindo a alegria apesar do choro que hoje insiste", escreveu Fernanda na última sexta.

"Me foram roubadas as palavras. Minha tão amada tia Bete não suportou a vida na terra sem o seu Ademir. Seu coração se partiu sem o seu amor. Ela também retorna, agora, à pátria espiritual. Foi ao reencontro do seu eterno amor, que era também a sua vida. Irmanados em afeto e fé, creio que devagarinho superaremos tão difícil despedida", comunicou a sobrinha na manhã deste sábado (23).

Com mais de 200 partidas pelo Corinthians, Ademir foi campeão paulista pela equipe em 1977 e encerrou jejum de 23 anos do clube no torneio. O ex-zagueiro também somou passagens por Guarani, Oriente Petrolero, São José-SP, XV de Piracicaba, Pinheiros-PR e União Barbarense. O casal deixou os filhos Gustavo e Bruno, e netos.

As informações são do Yahoo!