1º BPM cumpre 65 mandados de prisão na Operação Báratro

A Operação a nível estadual é coordenada pelo Centro de Inteligência da PMPR com apoio das Agências Locais de Inteligência (ALI) vinculadas às unidades policiais.

A Operação a nível estadual é coordenada pelo Centro de Inteligência da PMPR com apoio das Agências Locais de Inteligência (ALI) vinculadas às unidades policiais.
A Operação a nível estadual é coordenada pelo Centro de Inteligência da PMPR com apoio das Agências Locais de Inteligência (ALI) vinculadas às unidades policiais. -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

A Operação a nível estadual é coordenada pelo Centro de Inteligência da PMPR com apoio das Agências Locais de Inteligência (ALI) vinculadas às unidades policiais. 

Nos mesmos moldes de ações já desencadeadas pelo 1º BPM durante o ano de 2020 como a Operação “Os 10 mais procurados” a Operação Báratro foi desenvolvida em todo Estado do Paraná entre os dias 6 de julho de 8 de agosto. A Operação a nível estadual é coordenada pelo Centro de Inteligência da PMPR com apoio das Agências Locais de Inteligência (ALI) vinculadas às unidades policiais.

 Com o objetivo de prender pessoas com pendências judiciais a Operação teve com resultado a prisão de 798 pessoas em todo Paraná. Destaca-se que a ALI do 1º BPM juntamente com as equipes policiais ostensivas da Unidade apresentaram um excelente resultado com 65 mandados de prisão cumprindos no perído mencionado, ocupando assim a segunda posição no ranking entre as 41 agências de inteligência da PMPR.

Os mandados judiciais cumpridos eram dos mais diversos tipos criminais: homicídio, tráfico de drogas, estupro de vulnerável, roubo, lesão corporal e furto qualificado.

O encaminhamento dos foragidos para o cumprimento da ordem judicial é resultado de planejamento da Polícia Militar para que suas equipes localizem e retirem de circulação pessoas que convivem socialmente de maneira ilegal e que oferecem riscos à população.