Pesquisa revela melhora na sinalização de rodovias | A Rede - Aconteceu. Tá na aRede! Portal aRede - Aconteceu! Tá na aRede!
Publicidade

Cotidiano

Pesquisa revela melhora na sinalização de rodovias no país

Foto: Divulgação

Agência Brasil | Cotidiano | 24/11/2020 as 20:30h

Pesquisa revela melhora na sinalização de rodovias

Placas de sinalização podem evitar acidentes em estradas

Um estudo da Confederação Nacional dos Transportes (CNT), divulgado hoje (24), mostra que houve uma melhoria significativa na avaliação da sinalização das rodovias brasileiras entre 2013 e 2019. Segundo a entidade, houve em média uma melhora de 17,8 pontos percentuais nos trechos rodoviários federais sob jurisdição do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit).

A pesquisa avaliou o Programa Nacional de Segurança e Sinalização Rodoviária (BR-Legal), criado em 2013 visando padronizar a sinalização rodoviária na malha federal.

Dividido em quatro etapas, o projeto previa a realização de melhorias na sinalização em 55 mil quilômetros (km) de rodovias em todo o país. Essa extensão representava, em 2012, 87% da malha total das rodovias federais pavimentadas sob gestão pública. Cada etapa levava em consideração a logística de execução das obras e o nível de relevância de cada trecho.

“Em sete anos de vigência do BR-Legal, houve nítidos avanços na avaliação geral da sinalização nas rodovias federais públicas. Considerado o período entre o início do programa e o ano de 2019, houve em média uma melhora de 17,8 pontos percentuais nos trechos rodoviários onde houve intervenções do BR-Legal, passando de 39,7% para 57,5% de avaliação positiva”, revela o estudo.

Acrescenta que o programa inovou na forma de licitação, na atribuição de responsabilidades às contratadas e na metodologia das soluções empregadas. Pela metodologia, a empresa encarregada pelo projeto de sinalização é também a executora dos serviços e responsável pela manutenção da rodovia durante cinco anos.

“Dessa forma, evita-se que problemas na implementação da sinalização e dos dispositivos de segurança sejam justificados por erros de projeto, dado que a empresa – ou consórcio – responsável pelas duas etapas é a mesma”, indica a CNT.


Avaliações

As avaliações da pesquisa se debruçaram tanto sobre a sinalização horizontal, a exemplo das faixas, como a vertical, placas de advertência e regulamentação, em aspectos como visibilidade, padronização e legibilidade das sinalizações.

O levantamento também levantou o percentual de execução das intervenções realizadas dentro do programa BR-Legal, com destaque para a sinalização vertical que alcançou o maior percentual (70,0%). Na sequência, estão as intervenções de sinalização horizontal (58,1% de execução) e de dispositivos de segurança (45,0%).

Segundo a CNT, atrasos na execução do programa empurraram o encerramento da maioria dos contratos para 2021 (a previsão inicial era 2018). De acordo com a CNT, dos R$ 4,47 bilhões de orçamento previstos, foram investidos, entre 2014 e 2019, apenas R$ 2,82 bilhões em valores nominais, o equivalente a R$ 3,12 bilhões em valores corrigidos, o que representa 63% do previsto.

Além disso, a pesquisa também traz observações de auditorias ao programa BR-Legal realizadas pelo Tribunal de Contas da União (TCU) e pela Controladoria-Geral da União (CGU), que apontaram problemas de fiscalização, superposição do programa com outras ações, execução insuficiente e/ou inadequada, atrasos, priorização de trechos críticos e inconformidade de projetos.

“Os relatórios desses órgãos indicam que, em alguns casos, não foram contratadas empresas para realizar serviços de supervisão e gerenciamento do programa e que houve carência de pessoal e de equipamentos para realizar os serviços de fiscalização”, revela o trabalho.

Em alguns trechos rodoviários do BR-Legal em superposição com outras ações e programas de melhoria, houve casos de duplicidade na contratação de serviços e ainda de ausência ou insuficiência de execução da sinalização horizontal por causa da má condição do pavimento (sob responsabilidade de outro programa).

O estudo também comparou o BR legal com programas anteriores de sinalização, como o Programa de Sinalização nas Rodovias Federais (Prosinal) e o Programa de Defensas Metálicas nas Rodovias Federais (Prodefensas), este último lançado em 2009 e voltado para diminuir a severidade dos acidentes nas rodovias federais pavimentadas.


Sinalização horizontal

Criado em 2006 e previsto para durar dois anos, o Prosinal previa a execução dos serviços de engenharia de tráfego, de sinalização horizontal, vertical e suspensa e de dispositivos de segurança em cerca de 48 mil km de rodovias. Entretanto, diversas prorrogações o estenderam por mais quatro anos, e sua conclusão deu-se apenas em outubro de 2012.

No total, o programa abrangeu 46 mil km de rodovias sinalizadas. Já o Prodefensas, que funcionou até 2012,  realizou intervenções em 734,2 km de defensas ao custo de R$ 76,9 milhões em valores da época.

Segundo a CNT, ainda que os dois programas tenham promovido melhorias na sinalização, eles não foram capazes de alterar, de maneira significativa, as condições da sinalização das rodovias federais. A entidade diz que eles contribuíram para que se adquirisse experiência para a formulação do BR-Legal, que os substituiu.

“As inovações trazidas por este programa [BR-Legal] na forma de licitação, na atribuição de responsabilidades à contratada e na metodologia das soluções a serem empregadas puseram as intervenções na sinalização viária, no país, em um novo patamar, superior aos anteriores. Houve, durante o período de vigência do BR-Legal, uma nítida melhoria da avaliação geral da sinalização nas rodovias federais públicas, assim como na de suas variáveis, individualmente”, finaliza a CNT.

email sharing button
email sharing button
email sharing button
email sharing button

Publicidade

Recomendados

Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Bom Dia Astral 27/01/2021 ás 06:00h
Campos Gerais 26/01/2021 ás 20:45h
Publicidade
Ponta Grossa 26/01/2021 ás 19:52h
Publicidade
Ponta Grossa 26/01/2021 ás 18:50h
Publicidade

LIVES RECENTES

Ao Vivo
ao vivo | 26/01/2021 ás 16:07h

Prefeito de Piraí do Sul projeta investimentos para o município

Caixa assume a gestão e o 
pagamento do DPVAT
Secretária de Educação de PG detalha volta às aulas
Seminaristas de PG levantam verba para participar da JMJ
Ver Mais
Publicidade

PONTA GROSSA

Ponta Grossa | 26/01/2021 ás 18:14h

Em PG, retorno das aulas terá 50% das crianças em sala de aula

Ponta Grossa 26/01/2021 ás 18:00h
Ponta Grossa 26/01/2021 ás 16:55h
Publicidade
Ponta Grossa 26/01/2021 ás 15:20h
Publicidade

COTIDIANO

Cotidiano | 26/01/2021 ás 18:40h

Cresce o número de vendas de veículos seminovos no Paraná

Cotidiano 26/01/2021 ás 17:40h
Cotidiano 26/01/2021 ás 16:30h
Publicidade
Publicidade

VÍDEOS

Ponta Grossa | 26/01/2021 ás 18:29h

Cobra aparece em condomínio e apavora moradores de PG

Ver Mais

CAMPOS GERAIS

Campos Gerais | 26/01/2021 ás 17:20h

Prefeitura de Tibagi suspende retorno presencial das aulas

Campos Gerais 26/01/2021 ás 13:20h
Publicidade
Campos Gerais 26/01/2021 ás 10:09h
Publicidade

MIX

Mix | 25/01/2021 ás 13:25h

Fausto Silva deixa a Globo até o final do ano

Publicidade
Publicidade

ESPORTE

Esporte | 26/01/2021 ás 08:55h

Ex-Operário, Lucas Batatinha assina com Inter de Limeira

Publicidade
Esporte 24/01/2021 ás 20:00h
Publicidade

INSANA

Insana | 21/01/2021 ás 16:10h

‘Boi bandido’ ataca e destrói carro estacionado no RJ

Insana 11/12/2020 ás 12:20h
Publicidade
Publicidade

VAMOS LER

Vamos Ler | 16/12/2020 ás 19:30h

Alunos interagem com professor peruano em aula de Espanhol

AGRONEGÓCIO

Agronegócio | 23/01/2021 ás 20:00h

Cooperativas ampliam sinergia em inovação com ‘CoopMode’

Publicidade

ROMULO CURY

Romulo Cury | 27/01/2021 ás 06:30h

Confira a Coluna RC desta Quarta-Feira (27-01)

BOM DIA ASTRAL

Bom Dia Astral | 27/01/2021 ás 06:00h

Confira seu horóscopo para esta Quarta-feira (27/01)

EMPREGOS

Empregos | 26/01/2021 ás 18:11h

Confira as vagas de emprego desta Quarta-feira (27/01)

Publicidade

MAIS LIDAS

Ponta Grossa | 23/01/2021 ás 08:45h

Vídeo mostra ação de assaltantes em pizzaria de PG

Ponta Grossa 21/01/2021 ás 19:41h
Ponta Grossa 22/01/2021 ás 14:23h
Ponta Grossa 20/01/2021 ás 15:56h
Publicidade
Publicidade