VBP passa de R$ 1 bilhão em nove cidades do Paraná | A Rede - Aconteceu. Tá na aRede! Portal aRede - Aconteceu! Tá na aRede!
Publicidade

Agronegócio

Setor pecuário foi destaque no Estado

Foto: Divulgação

Fernando Rogala | Agronegócio | 17/10/2020 as 14:29h

VBP passa de R$ 1 bilhão em nove cidades do Paraná

Mais cinco municípios atingiram esse patamar em 2019, segundo relatório da Secretaria da Agricultura e do Abastecimento. O faturamento total foi de R$ 98,08 bilhões, valor nominal recorde na série

A Secretaria da Agricultura e do Abastecimento divulgou neste mês o relatório final do Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) de 2019. Além de revisar o faturamento total para R$ 98,08 bilhões, valor nominal recorde na série, o documento mostra que, pela primeira vez, o Paraná tem nove municípios com VBP superior a R$ 1 bilhão – cinco a mais do que no levantamento de 2018. Os valores correspondem ao faturamento bruto dos produtores com a comercialização da safra 2018/19, abrangendo cerca de 350 produtos da agropecuária. 

Os municípios de Guarapuava (R$ 1,28 bilhão), Santa Helena (R$ 1,08 bilhão), Dois Vizinhos (R$ 1,05 bilhão), Assis Chateaubriand (R$ 1,05 bilhão) e Palotina (R$ 1,04 bilhão) agora integram a lista dos faturamentos mais expressivos junto com Toledo (R$2,69 bilhões), Castro (R$ 1,72 bilhão), Cascavel (R$ 1,67 bilhão) e Marechal Cândido Rondon (R$ 1,16 bilhão). O crescimento anual mais representativo foi o de Guarapuava, com valor 31% superior ao de 2018, quando somou R$ 981,9 milhões.

Após alguns ajustes pontuais realizados pelos técnicos do Departamento de Economia Rural (Deral), o VBP total do Paraná teve um incremento aproximadamente R$ 362 milhões em relação ao divulgado no relatório preliminar, em agosto. O valor representa um crescimento nominal – sem os descontos da inflação – de 9% e um ganho real de 3% na comparação com o total somado em 2018, de R$ 89,78 bilhões. O valor vai compor o Fundo de Participação dos Municípios, que é responsável por dividir a fração do ICMS destinada às cidades do Estado.


Pecuária

A técnica do Deral responsável pelo levantamento do VBP, Larissa Nahirny, explica que o relatório final confirma o destaque da pecuária paranaense. “Pela primeira vez, a pecuária liderou o VBP, representando metade do total, com um acréscimo de aproximadamente R$ 8,3 bilhões sobre o faturamento de 2018. A revisão do número de abates revelou um rendimento ainda maior dessa atividade”, explica.

Essa tendência se confirma entre alguns dos municípios com maiores rendimentos, principalmente com a produção de frango e suínos. Em Toledo, por exemplo, a pecuária é responsável por 82% do VBP. Em Santa Helena, a atividade compõe 85% do faturamento e, em Dois Vizinhos, 90%. Os preços também favoreceram o desempenho do setor.

Depois da pecuária, a segunda principal representatividade na composição do VBP do Paraná é do grupo dos grãos e grandes culturas (39%), seguido das hortaliças (5%) e produtos florestais (4%). A produção de frutas é responsável por 2% do VBP.  

Para o chefe do Deral, Salatiel Turra, os números representam o bom cenário da agropecuária paranaense. “O Paraná é um Estado bastante diversificado, com produção significativa em vários tipos de proteína. Tivemos um panorama bastante favorável em termos de preços, principalmente os da arroba do boi, e de comércio internacional”.


Regiões

No ranking regional, considerando o percentual de crescimento de 2018 para 2019, o Centro-Sul lidera o VBP, com aumento nominal de 14% - totalizando R$ 6,5 bilhões; seguida pela Região Metropolitana de Curitiba (R$ 5,64 bilhões), com aumento de 12%, e pelo Oeste (R$22,77 bilhões), que também cresceu 12% em valores nominais.

Todas as regiões do Estado apresentaram crescimento nominal. Quanto ao aumento real, as exceções são os Campos Gerais (R$ 7,99 bilhões) e o Noroeste (R$ 9,13 bilhões), que não cresceram além da correção monetária. “Embora o Noroeste tenha perdido parte do faturamento correspondente à mandioca e à soja, o valor foi compensado pela pecuária de corte”, explica Larissa. A região perdeu R$ 502 milhões no grupo de grãos e grandes culturas, sendo R$ 300 milhões equivalentes a perdas na mandioca. Por outro lado, registrou um incremento de R$ 584 milhões na pecuária.

Considerando os valores reais, o desempenho do Centro Sul foi 7% maior em 2019. O resultado não ficou tão concentrado na pecuária, mas foi beneficiado por um incremento no faturamento do feijão, que passou de R$ 86 milhões em 2018 para R$ 188 milhões em 2019, considerando as três safras. Outro destaque foi a batata, cujo rendimento passou de R$ 182 milhões em 2018 para R$ 389 milhões em 2019, um aumento de 114%. O município de Guarapuava é responsável por 70% do incremento na cultura. 

Na Região Metropolitana de Curitiba, que registra o segundo maior crescimento real (6%), as hortaliças (R$1,87 bilhão) foram o carro-chefe do VBP, com aumento de 26%. Destaca-se também o faturamento relativo à produção de flores, que somou R$ 64,67 milhões em 2019, 106% a mais do que em 2018.

O Oeste se destacou pelo valor absoluto do VBP, que somou mais de R$ 2 bilhões sobre o faturamento de 2018. Segundo Larissa, como a pecuária sustenta o VBP dessa região, o impacto da estiagem na safra 18/19 não foi tão grande sobre valor final. “Mesmo perdendo faturamento com a soja, a região registrou um ganho substancial na pecuária, principalmente com frango e suínos, somando R$ 2 bilhões a mais do que em 2018”, explica. A pecuária é responsável por acrescentar R$ 15,8 bilhões ao VBP do Oeste.


Exportação

Tanto a demanda interna por proteínas animais quanto a externa estiveram em alta no período, o que ajuda a explicar o aumento significativo do VBP paranaense em 2019.

De acordo com a técnica do Deral, em 2019, o aquecimento da demanda, somado à baixa oferta de bovinos, pressionou os preços e aumentou a procura pelos substitutos, como frango e suínos.

“Além disso, o câmbio valorizado do dólar beneficiou os exportadores. Cerca de 21% das proteínas animais que o Paraná exportou em 2019 tiveram a China como destino”, diz. As exportações de carnes tiveram aumento de 9% no faturamento e 5% no volume em 2019 na comparação com 2018, segundo dados do governo federal.


As informações são da AEN

email sharing button
email sharing button
email sharing button
email sharing button

Publicidade

Recomendados

Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Publicidade
Agronegócio 20/10/2020 ás 10:09h
Ponta Grossa 20/10/2020 ás 10:00h
Publicidade
Cotidiano 20/10/2020 ás 09:20h
Ponta Grossa 20/10/2020 ás 09:09h
Publicidade

LIVES RECENTES

Ao Vivo
ao vivo | 19/10/2020 ás 18:18h

Assista ao É Notícia desta segunda-feira

Beetools Everywhere apresenta as inovações da escola
Pediatra tira dúvidas sobre prematuridade
Comércio volta ao normal e transporte terá mudanças
Ver Mais
Publicidade

PONTA GROSSA

Ponta Grossa | 20/10/2020 ás 08:11h

Funcionária de banco evita que idosa perca R$ 10 mil em golpe

Ponta Grossa 20/10/2020 ás 07:26h
Publicidade
Ponta Grossa 19/10/2020 ás 22:00h
Ponta Grossa 19/10/2020 ás 20:51h
Publicidade

COTIDIANO

Cotidiano | 20/10/2020 ás 08:40h

Paciente com covid-19 pode ter sintomas por meses, diz estudo

Cotidiano 20/10/2020 ás 08:20h
Publicidade
Cotidiano 19/10/2020 ás 19:20h
Publicidade

VÍDEOS

Ponta Grossa | 18/10/2020 ás 17:02h

Câmeras flagram furto em loja e perseguição de vigilante em PG

Ver Mais

CAMPOS GERAIS

Campos Gerais | 20/10/2020 ás 08:36h

Adolescente sofre lesões graves em acidente na PR-092

Campos Gerais 19/10/2020 ás 09:48h
Campos Gerais 18/10/2020 ás 16:05h
Publicidade
Campos Gerais 17/10/2020 ás 08:28h
Publicidade

MIX

Mix | 18/10/2020 ás 19:23h

Com Covid, cantor Jorge Aragão é internado em UTI de hospital

Publicidade
Mix 16/10/2020 ás 22:00h
Publicidade

ESPORTE

Esporte | 19/10/2020 ás 14:03h

TTF repudia agressão e diz que fato foi distorcido

Publicidade
Publicidade

INSANA

Insana | 19/10/2020 ás 14:59h

Ponta-grossenses 'inovam' na forma de usar o drive-thru

Publicidade
Publicidade

VAMOS LER

Vamos Ler | 15/10/2020 ás 18:10h

Escola de PG homenageia professores e funcionários

AGRONEGÓCIO

Agronegócio | 20/10/2020 ás 10:09h

Diretor da Castrolanda debate futuro do agronegócio

Publicidade

ROMULO CURY

Romulo Cury | 20/10/2020 ás 06:30h

Confira a Coluna RC desta Terça-Feira (20-10)

BOM DIA ASTRAL

Bom Dia Astral | 20/10/2020 ás 06:00h

Confira seu horóscopo para esta Terça-feira (20/10)

EMPREGOS

Empregos | 19/10/2020 ás 17:23h

Vagas na Agência do Trabalhador para Terça-feira (20/10)

Publicidade

MAIS LIDAS

Ponta Grossa | 14/10/2020 ás 12:13h

Rodovia de PG segue fechada por risco de explosão

Bom Dia Astral 16/10/2020 ás 06:00h
Campos Gerais 14/10/2020 ás 16:08h
Publicidade
Publicidade