Geração 'selfie': veja plásticas mais buscadas pelos brasileiros

Mamas, rinoplastia e lipo: Brasil está entre países que mais fazem cirurgias plásticas; veja lista e ranking

Geração 'selfie': veja as plásticas mais buscadas pelos brasileiros
Geração 'selfie': veja as plásticas mais buscadas pelos brasileiros -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Mamas, rinoplastia e lipo: Brasil está entre países que mais fazem cirurgias plásticas; veja lista e ranking

O Brasil voltou a ser o segundo maior em realização de cirurgias plásticas no mundo em 2020, ano dos dados globais mais recentes disponíveis, perdendo só para os Estados Unidos. Nos dois anos anteriores (2018 e 2019), os brasileiros estavam no topo do ranking, segundo dados da Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica Estética (ISAPS, na sigla em inglês).

Por aqui, o que os pacientes mais procuraram em 2020 foi a lipoaspiração, seguida da prótese mamária.

Veja a lista:

Lipoaspiração

Aumento de mama

Cirurgia de pálpebra

Abdominoplastia

Lifting de mama

Rinoplastia

"No Brasil temos um cenário que é centrado na cirurgia corporal. Somos um país tropical, há uma maior exposição do corpo. A procura das pacientes por cirurgias corporais como mama, abdômen, cintura é bem alta", explica Alexandre Munhoz, cirurgião plástico do Hospital Sírio-Libanês.

E não são só as mulheres que procuram os centros cirúrgicos. Segundo Munhoz, 25% dos pacientes dele hoje são homens. "Quinze anos atrás esse número não chegava a 5%. Eles estão procurando cirurgia para melhorar a parte estética. Estamos vivendo mais e esses homens estão vendo os sinais de envelhecimento".

Veja o ranking dos países que mais fizeram procedimentos cirúrgicos em 2020:

Estados Unidos (1.485.116)

Brasil (1.306.962)

Rússia (478.200)

México (456.489)

Alemanha (425.855)

Turquia (360.542)

Argentina (284.320)

Índia (255.528)

Itália (245.400)

Japão (222.642)

Cirurgias de rosto

Curiosamente, segundo o ISAPS, o Brasil ficou em primeiro lugar do ranking de cirurgia feitas no rosto, como rinoplastia e lifting facil. Para os médicos ouvidos pelo g1, a procura por cirurgias na face é reflexo da era das selfies e também das reuniões virtuais, comuns durante a pandemia.

"Essa vontade de estar bem consigo mesmo foi exacerbada com a popularização das selfies. As pessoas começaram a se autoanalisar e a cirurgia do nariz começou a ser mais procurada. O nariz, sozinho, pode embelezar ainda mais o rosto", acredita o cirurgião plástico Volney Pitombo, que também é membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP).

"Em 2020, tivemos um contingente muito grande de pessoas em lockdown. Mulheres e homens passaram a ter uma exposição muito grande do rosto durante reuniões online, em câmeras que não são ideais, luz que não é ideal. No final de 2020 começou um boom de pacientes procurando por cirurgias de face (pálpebra, nariz, rosto)", completa Munhoz.

Segundo o levantamento do ISAPS, 87.879 rinoplastias foram feitas no Brasil em 2020. Em segundo lugar vem a Turquia, com 66.950 e, em terceiro, os Estados Unidos, com 55.436.

Leia mais em G1