PUBLICIDADE

PIB de Ponta Grossa cresce 10,7% e supera os R$ 17,2 bilhões

Crescimento da economia municipal foi de R$ 1,67 bilhão. Números do Produto Interno Bruto dos municípios brasileiros foram divulgados nesta sexta-feira (16) pelo IBGE, referentes ao ano de 2020

PIB de Ponta Grossa tem crescimento real, contrariando as quedas no PIB do Paraná e do Brasil
PIB de Ponta Grossa tem crescimento real, contrariando as quedas no PIB do Paraná e do Brasil -

Fernando Rogala

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

A economia de Ponta Grossa teve crescimento real em 2020. No ano marcado pela pandemia do coronavírus, em que empresas e indústrias fecharam por algumas semanas, trazendo retração econômica nacional e estadual, o Produto Interno Bruto (PIB) de Ponta Grossa, indicador que mede a geração de riquezas na cidade, atingiu o valor de R$ 17,27 bilhões. Em 2019, esse valor alcançou R$ 15,60 bilhões, o que significa que houve, em termos nominais, um aumento de 10,7%, representando uma alta de R$ 1,67 bilhão. Considerando o índice de deflação do PIB, de 6,47%, conforme os dados do IPEA Data, a variação real do PIB foi uma alta de 4%. Para a contextualização, o PIB do Brasil caiu 3,3% em 2020, enquanto que o do Paraná teve uma baixa de 2% (ambos em valores reais, já deflacionados). Os números foram divulgados nesta sexta-feira (16) pelo IBGE.

De acordo com as informações reveladas pelo IBGE, Ponta Grossa se mantém como a 7ª maior economia do Paraná e a 14ª do Sul do Brasil. No Paraná, estão à frente de Ponta Grossa: Curitiba, São José dos Pinhais, Londrina, Maringá, Araucária e Foz do Iguaçu. Em âmbito nacional, Ponta Grossa se destaca como a 62ª maior economia, posição que melhorou em cinco colocações na comparação com o ranking de 2019, quando era a 67ª. O PIB per capita de Ponta Grossa passou de R$ 44.361,09, em 2019, para R$ 48.615,15 em 2020.

O setor de serviços segue como o mais representativo na economia municipal, gerando R$ 7,02 bilhões em riquezas. Contudo, como Ponta Grossa se destaca por ser o maior parque industrial do interior do Estado, esse foi o setor que puxou o PIB para cima, com um crescimento de R$ 1,17 bilhão, totalizando R$ 5,75 bilhões gerados em 2020 - esse valor variou 25,72% na comparação com 2019. O maior crescimento em termos percentuais, no entanto, foi do agronegócio, que saltou de R$ 282,54 milhões para R$ 425,77 milhões, em incremento de 50,69% (alta de R$ 143,2 milhões).

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE