PUBLICIDADE

Casa da Indústria realiza evento com startups da região

Iniciativa quer fomentar negócios entre indústrias e desenvolvedores de startups dos Campos Gerais.

Evento aconteceu no Golf Garden Clube e contou com 15 desenvolvedores de soluções tecnológicas para as indústrias
Evento aconteceu no Golf Garden Clube e contou com 15 desenvolvedores de soluções tecnológicas para as indústrias -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

A Casa da Indústria, juntamente com a Prefeitura de Ponta Grossa, através do Vale dos Trilhos, a Associação Comercial, Industrial e Empresarial de Ponta Grossa (ACIPG) e Sebrae, realizou o evento 1º ConectDay, na última quarta-feira (21), no Garden Golf. A iniciativa quer fomentar negócios entre indústrias e desenvolvedores de startups dos Campos Gerais.

O presidente da Casa da Indústria em Ponta Grossa, Darcy Miara Júnior, comenta que o evento foi fechado, apenas para empresas convidadas, contando com apenas 15 startups e 10 indústrias da cidade. Segundo ele, a seleção das empresas se deu por critérios de relacionamento, soluções inovadoras, qualidades dos empreendedores, validação dos produtos e serviços pelos clientes. “A participação das empresas foi definida também a partir de interesses correlatos, tanto no que diz respeito as startups, como também para possibilitar negócios entre as próprias indústrias participantes”, disse Miara Júnior, anunciando que este é o primeiro de muitos eventos nestes moldes que serão realizados pela Casa da Indústria.

A consultora do Sebrae/PR, Thaise Amaral explica que muitas vezes, essa aproximação entre startups e o setor industrial é complicada em função do dia a dia dos negócios. “O evento busca oportunizar que as startups enxerguem as demandas das indústrias e também que estas possam saber quais soluções estão no mercado”, explica a consultora.

Evento foi fechado, apenas para empresas convidadas, contando com apenas 15 startups e 10 indústrias
Evento foi fechado, apenas para empresas convidadas, contando com apenas 15 startups e 10 indústrias |  Foto: Da Redação
 Para a presidente da ACIPG, Giorgia Bin Bochenek, o Conect Day é mais uma demonstração da união de esforços de diferentes setores em busca do desenvolvimento de Ponta Grossa, e destaca a importância do encontro entre indústria e inovação. “Essa iniciativa com os parceiros reflete a maturidade da cidade para juntos buscarmos soluções através de inovação”, afirma.

“O Conect Day é sem dúvida um evento que demostra que nosso ecossistema de inovação está pujante. É a materialização do Vale dos trilhos, onde vemos importantes atores do ecossistema unidos realizando um evento deste porte”, disse Tônia Mansani, presidente da Agência de Inovação e Desenvolvimento de Ponta Grossa, que entende que o evento cumpriu um papel importante para o atual cenário da cidade.

De acordo com o último relatório do Panorama Conexão Startup Indústria, da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), 22% das indústrias brasileiras já negociaram com startups.  “Na região leste em que está Ponta Grossa, segundo mapeamento realizado pelo Sebrae, contamos como mais de 100 startups, sendo 81 em nossa cidade. Por isso, encontros como este, além de oportunizarem negócios, geram soluções para as indústrias e investimentos em tecnologia local, fomentando o desenvolvimento, beneficiando a indústria como um todo”, disse Priscilla Garbelini Jaronski, diretora executiva da Casa da Indústria de Ponta Grossa.

O evento 1º ConectDay aconteceu na última quarta-feira (21), no Garden Golf
O evento 1º ConectDay aconteceu na última quarta-feira (21), no Garden Golf |  Foto: Da Redação
  

Soluções tecnológicas e troca de conhecimento

Sergio Winnik Filho, diretor comercial da empresa Mush comenta que as startups, em muitos casos, têm mais facilidade de se conectar com empresas de fora, de grandes centros ou até multinacionais de outros países, através de eventos pontuais dos circuitos que frequentam do que interagir com as empresas estabelecidas na região. Em virtude disso, entende o Conect Day como uma grande oportunidade de negócios e de aprendizado. “Encontramos uma sinergia bem positiva, em que ambos os lados ganharam. Entendemos muitas das dificuldades das indústrias, e tivemos a oportunidade de oferecer soluções, mas em contrapartida, as startups tiveram condições de aprender com as indústrias pela experiência destas empresas em colocar projetos em prática e empreender”, pontua Winnik Filho.

Leonardo Puppi Bernardi, industrial do setor madeireiro, comenta que o evento superou as expectativas. Segundo ele, as apresentações foram muito interessantes, sendo possível conhecer soluções para demandas sua empresa, como também oportunizou descobrir ferramentas para potencializar outros setores. “A informação é capital, estar bem-informado é importante nos dias atuais e ter acesso a soluções digitais é uma questão de sobrevivência no mercado, em qualquer segmento e na indústria não seria diferente”, avalia Bernardi. 

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE