PG lamenta morte de Glaura Pinto, fundadora do SOS

Esposa do ex-prefeito Luiz Gonzaga Pinto criou a instituição em 1973

Imagem ilustrativa da imagem PG lamenta morte de Glaura Pinto, fundadora do SOS
-

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Foi confirmada no fim da manhã desta segunda-feira (1º) a morte de Glaura Barbosa Pinto, fundadora do Serviço de Obras Sociais (SOS) de Ponta Grossa. A pioneira da instituição tinha 97 anos e foi homenageada em diversas oportunidades pela Prefeitura Municipal por conta dos serviços prestados à comunidade. O SOS fundado em 1973.

O lema do SOS 'Promover o homem todo e todos os homens', frase do Papa Paulo VI, foi dado por Glaura quando criou o estatuto do SOS. Ela contou, em eventos realizados pelo Serviço, que buscou exemplos de outras cidades, como em Juiz de Fora (MG), onde morava a fundadora nacional do SOS. 

Glaura contava ainda que, apesar de conservadora, Ponta Grossa recebeu bem a ideia do SOS e as “senhoras da sociedade” eram sempre solícitas em ajudar, não financeiramente, mas com o tempo que dispunham ajudando nas ações.