Obra na 'Souza Naves' deixa vilas sem água em PG

Rompimento de rede pode interromper abastecimento em algumas regiões da cidade; equipes da Sanepar trabalham no conserto do problema

Rompimento de rede pode interromper abastecimento em algumas regiões da cidade; equipes da Sanepar trabalham no conserto do problema
Rompimento de rede pode interromper abastecimento em algumas regiões da cidade; equipes da Sanepar trabalham no conserto do problema -

Sebastião Neto

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Rompimento de rede pode interromper abastecimento em algumas regiões da cidade; equipes da Sanepar trabalham no conserto do problema 

A Sanepar informou, na manhã desta quarta-feira (29), que regiões próximas da Avenida Souza Naves podem ficar sem água ou com oscilação na pressão do abastecimento ao longo do dia. Por conta de um rompimento na rede durante obras na ‘Souza Naves’, o problema pode afetar as vilas Borato, Cristo Rei, Moema, Taquari, Jardim Planalto, Ildemira, Bom Retiro, Santa Luzia, Residencial América e Parque do Café.

Segundo comunicado enviado pela companhia, equipes já estão no local do rompimento para efetuar o conserto; a previsão é de que o abastecimento normalize, de forma gradativa, no período da noite. Em situações como esta, a Sanepar pede aos consumidores que o consumo seja feito de forma consciente.

Porém, ainda de acordo com a Sanepar, só ficarão sem água durante este período os clientes que não têm caixa-d’água no imóvel, conforme recomendação da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas). A Sanepar sugere que cada imóvel tenha uma caixa-d’água de pelo menos 500 litros. Assim, é possível ter água por 24 horas, no mínimo.

Com informações da assessoria da Sanepar

Conteúdo de marca

Quero divulgar right