Comboio da Saúde realiza nova ação em PG nesta quarta

Para esta edição, foram disponibilizadas 220 vagas para pessoas que se encontram na lista de espera de exames de Catarata no Município

Foram disponibilizadas 220 vagas direcionadas a pessoas na fila de espera para a realização de exames pré-operatórios
Foram disponibilizadas 220 vagas direcionadas a pessoas na fila de espera para a realização de exames pré-operatórios -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Para esta edição, foram disponibilizadas 220 vagas para pessoas na lista de espera de exames de Catarata no Município

A Prefeitura de Ponta Grossa, em parceria com o Governo do Paraná, realiza nesta quarta-feira (29) e quinta-feira (30) mais uma ação do Comboio da Saúde no Município. As atividades acontecem no estacionamento da Biblioteca Municipal Bruno Enei e serão desenvolvidas por equipes do Hospital Médicos de Olhos de Campo Largo, instituição credenciada junto ao Governo do Paraná. 

Para esta edição, foram disponibilizadas 220 vagas direcionadas a pessoas na fila de espera para a realização de exames pré-operatórios de Catarata e já tiveram os atendimentos previamente agendados  pela Fundação Municipal de Saúde.

“A realização dessa parceria entre a Prefeitura e o Governo é de extrema importância para os cidadãos que aguardam pela realização dos exames necessários para a cirurgia de Catarata. Temos tratado a área da saúde como prioridade, buscando ampliar os investimentos em estrutura e pessoal, seja através de recursos próprios, seja através de parcerias como esta que com certeza irá contribuir para avançarmos e possamos diminuir ainda mais a lista de espera para esse procedimento tão importante que é a realização da cirurgia de catarata”, destaca a prefeita Elizabeth Schmidt.  

Conforme o presidente interino da Fundação Municipal de Saúde, Gustavo da Matta, os atendimentos do Comboio nesta semana “devem contribuir para diminuir em aproximadamente 70% a lista de espera para consultas e exames de catarata no Município, passando de 309 para menos de 100 o número de pessoas que aguardam a realização desses procedimentos”.