Capitão Saulo não descarta pré-candidatura a deputado

Liderança trocou o PSD pelo Republicanos, de olho nas eleições deste ano; mudança tem o aval da prefeita Elizabeth Schmidt.

Vice-prefeito de Ponta Grossa, Capitão Saulo (Republicanos).
Vice-prefeito de Ponta Grossa, Capitão Saulo (Republicanos). -

Rodolpho Bowens

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Liderança trocou o PSD pelo Republicanos, de olho nas eleições deste ano; mudança tem o aval da prefeita Elizabeth Schmidt

O vice-prefeito de Ponta Grossa, Capitão Saulo, afirmou ao Portal aRede, na tarde desta terça-feira (12), que não descarta uma pré-candidatura à Câmara dos Deputados ou à Assembleia Legislativa do Estado do Paraná (Alep). Ele mudou de partido, recentemente, e se filiou no Republicanos – deixou o Partido Social Democrático (PSD). As mudanças não afetam a parceria com a prefeita, Elizabeth Schmidt (PSD). “Continuamos trabalhando e construindo a cidade juntos”, afirmou.

Segundo a liderança política, “estou me colocando em condições de participar do próximo pleito”, ao explicar que a situação não se concretizaria no PSD. Com o aval da prefeita de Ponta Grossa e do governador do Paraná, Carlos Massa Ratinho Junior (PSD), o vice-prefeito foi convidado para se filiar ao Republicanos a convite do diretório estadual.

Ele também comentou que a situação da pré-candidatura “depende do cenário. Temos que perceber o momento, estudar para isso. Preciso estar preparado”, disse ao Portal aRede, ao lembrar que isso (ser deputado) é um desejo desde a sua entrada na vida política. “Encontrei no Republicanos os princípios que levo para a minha vida: pátria, famílias e valores cristãos”, argumentou.

Por fim, ele reforça que caso seja pré-candidato e venha a vencer as eleições em outubro, ele poderia trazer mais recursos para Ponta Grossa e região dos Campos Gerais, já que em 2021 foi o “ano que menos recebemos emendas parlamentares”, finalizou.