aRedeShopping aRedeNegócios Jornal da Manhã

Ponta Grossa

Presidente estadual do PCdoB, professor Elton Barz.

Foto: Reprodução/Redes Sociais.

Da Redação | Ponta Grossa | 20/08/2021 as 16:52h

PCdoB completa 76 anos na cidade de Ponta Grossa

Confira o artigo do professor Elton Barz, presidente estadual do PCdoB

O Diretório Municipal do Partido Comunista do Brasil (PCdoB) completa neste 20 de agosto, 76 anos de fundação. Criado em Niterói em 1922, por simpatizantes da Revolução Russa de 1917, em Ponta Grossa a agremiação política contou com nomes ilustres da cidade como seus fundadores.

A história do PCdoB em Ponta Grossa se confunde com o movimento sindicalista, principalmente de ferroviários, tendo repercussão inclusive na torcida do time formado pelos trabalhadores, o Operário Ferroviário Esporte Clube (OFEC).

Desde sempre ligado aos direitos das minorias, é do PCdoB também a primeira parlamentar eleita no Paraná. Atualmente, o diretório municipal do partido está sobre a presidência do professor Tércio A. Nascimento. Atualmente o partido é ligado às causas identitárias e a movimentos pela qualidade do Transporte Coletivo.

Confira o artigo do professor Elton Barz, presidente estadual do PCdoB:

"Os 76 anos do Diretório Municipal do PCdoB de Ponta Grossa

Nos dias 25, 26 e 27 de março de 1922, grupos admiradores da Revolução Russa (1917), entre eles sindicalistas, profissionais liberais e livre pensadores se reuniram em Niterói (RJ) para fundar o então denominado Partido Comunista do Brasil com a sigla PCB; tal encontro é considerado o primeiro congresso do partido. Na metade de 1924, o V Congresso da Internacional Comunista (ou III Internacional) admitiu a nossa organização partidária como sua seção brasileira oficial. Criava-se assim o mais antigo partido em funcionamento hoje no país e o primeiro partido de âmbito nacional do Brasil. Umas das maiores dificuldades que o partido enfrentou foi, com certeza, os mais de 60 anos de ilegalidade forçada pelos mais diversos governos. Mas mesmo assim o então PCB esteve a frentes de inúmeras lutas importantes para o Brasil.

Para relembrar, destaco a da luta pela reforma agrária (primeiro partido a lançar manifesto), pela criação, manutenção e reforço de empresas estatais estratégicas como a Petrobras, Eletrobrás e Siderúrgica Nacional, entre outras.

Participou ativamente da luta pela democracia e integrou as mais diversas Frentes Amplas para a defesa de um país democrático e justo. Luta Pela Anistia, Diretas já, constituintes (partido participou ativamente da redação das Constituições de 46 e 88), Fora Collor, luta contra o desmonte do Estado Nacional nos governos neoliberais e sempre esteve presente na organização do movimento sindical, de juventude, Mulheres, Negros, da diversidade e demais movimentos sociais.

Em função do grande período em que esteve na ilegalidade, os primeiros Diretórios Estaduais e municipais surgiram no bojo da redemocratização da década de 40 entre os anos de 1945 e 47 e assim também ocorreu no Paraná. Lembrar que estávamos no pós-guerra e no período de redemocratização e da elaboração da constituição de 1946.

O Partido teve no trabalho de elaboração da nova Constituição a participação do senador Luis Carlos Prestes e mais 14 deputados, dentre os quais Carlos Marighela, Jorge Amado, Mauricio Grabois e João Amazonas. O partido teve cerca de 8,6 % dos votos válidos e era a quarta maior força política daquela Assembleia constituinte. O partido elegeu bancadas na Bahia, Pernambuco, Distrito Federal (Guanabara) Rio de Janeiro, São Paulo e Rio Grande do Sul.

No Paraná, nesta conjuntura o Partido elegeu o deputado estadual Jose Rodrigues Ferreira Neto e a primeira mulher vereadora em Curitiba (primeira parlamentar feminina do Paraná) Maria Olympia Carneiro Mochel.

O partido no Paraná, na fase entre 1922 e 1940, teve forte presença de sindicalistas especialmente ligados ao sistema Ferroviário, nos portos de Paranaguá e Antonina e em algumas atividades como sapateiros e gráficos.

O partido era o centro da esperança da internacionalização da revolução Russa de 1917 e assim atraiu mulheres e homens com a vontade de construir um outro mundo. No caso do Paraná tínhamos também descendentes de ex-ativista da Colônia Cecília (que existiu como experiência socialista inovadora no final do século XIX em Palmeira) contribuindo no início da nossa organização.

O partido entre 1937 e 1944 sofreu grande repressão, especialmente depois do que ficou conhecido como “Intentona Comunista”. O partido, em1943 foi reconstruído na Conferência da Mantiqueira e preparou os quadros para o período de redemocratização que o Brasil começava a passar. No Paraná o partido se reconstruiu em torno do protagonismo de seu grande líder na época, Luis Carlos Prestes, e ainda de núcleos de pessoas do sindicalismo anteriormente construído, entre eles, os ferroviários.

O Partido Comunista do Brasil agremiou uma boa parcela de trabalhadores como os ferroviários e os estivadores, imprimindo uma forte coesão identitária de esquerda com características prioritariamente solidaristas e associativistas, geradas lentamente a partir das experiências vividas no mundo do trabalho e na organização operária.

A anistia em abril de 1945 e o novo código eleitoral de 28 de maio, decretados com o fim do Estado Novo, permitiram a legalização e o registro oficial do Partido Comunista do Brasil (PCB) após décadas de clandestinidade e proscrição. Com a abertura política, a diretiva dominante entre os comunistas consistiu na defesa da democracia a partir da ampliação da participação política popular e da eleição de uma Assembleia Nacional Constituinte.

Ponta Grossa, como maior entroncamento ferroviário do Sul do Brasil, teve uma participação importante da ferrovia e dos ferroviários no seu desenvolvimento enquanto centro urbano. Era constante a manifestação dos ferroviários nos jornais da época sobre os caminhos da política nacional, do Paraná e da cidade.

O protagonismo dos trabalhadores ferroviários na vida social, esportiva e política de Ponta Grossa se mostrou de extrema importância e foi deste agrupamento que vieram cerca de 20 operários que formaram o núcleo inicial do nosso primeiro Diretório Municipal do Partido na cidade.

Precisamos lembrar a contribuição de João Antunes de Oliveira, Dino Colli (hoje dá nome a uma organização da torcida do Operário Ferroviário Esporte Clube - OFEC), Umberto Moro e dos ferroviários Miguel Pan e Manuel Mocelin para o partido chegar a sua organização de 1945.No dia da reunião inaugural do nosso Diretório Municipal, em 20 de agosto de 1945, a prisão do casal Olga Benário e Luiz Carlos Prestes foi o fato mais lembrado, recordado inúmeras vezes nos discursos dos camaradas comunistas ponta-grossenses.

O martírio e a redenção de Prestes não foram menos exaltados, tanto que, o dia de sua libertação, 18 de abril de 1945, se transformou em uma data para ser relembrada e comemorada e, principalmente, um momento para fazer denúncias aos cárceres autoritários do Estado Novo.  

A reunião foi acompanhada pelo quadro importante dos comunistas Paranaense Julio Manfredini, a quem que coube, em nome do futuro Diretório Estadual, na pessoa de Walfrido Soares de Oliveira, futuro secretário Geral do Partido no Paraná, dar posse a nova organização partidária que já começava com duas Organizações de Base, uma entre os ferroviários e outra dos profissionais liberais chamada de Olga Benário Prestes.

Nestes 76 anos de vida, mesmo no período de clandestinidade, o PCdoB esteve presente na vida ponta-grossense. Sempre fomos ativos nos movimentos comunitários e sindicais, nos movimentos estudantis ajudamos a consolidação de Ponta Grossa como centro universitário e na ampliação da educação como direito fundamental de todos e todas.

Por meio do movimento estudantil e comunitário veio nossa atuação dentro da luta do transporte coletivo da cidade que chegou até agora na nossa Organização de Base dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Transporte Coletivo. Muitas campanhas pela redução da tarifa e melhoria do transporte público foram dirigidas pelo nosso partido.

Lembro que neste período, no campo institucional, tivemos dois vereadores e uma vereadora, elegemos um deputado federal que é até hoje o mais votado da história da cidade e participamos do governo Péricles de Holleben Mello na área da participação popular do Orçamento Participativo. Muitas lutas feitas outras tantas a se fazer.

Nossa meta é a construção dos caminhos da equidade. Termino lembrando Olga Benário Prestes, saudada na nossa primeira reunião do diretório municipal, na sua carta de despedida a Luis Carlos Prestes, no dia anterior à sua morte por execução num campo de concentração Nazista “Lutei pelo Bom, pelo melhor e pelo justo do nosso povo”.

Elton Barz - Professor de história e historiador, presidente Estadual do PCdoB do Paraná


Com informações: Blog do Doc.Com.

email sharing button
email sharing button
email sharing button
email sharing button

PUBLICIDADE

Recomendados

Mundo Animal lança campanha para doação de agasalho em PG
La Belli Master Hall promove festa eletrônica com Liu
FASF inicia novas turmas de graduação em agosto
Publicidade
Cara Nova traz as melhores opções para enfrentar o inverno
Óticas Carol traz promoções no mês dos namorados em PG
Bravo Burguer reinaugura novo espaço em Ponta Grossa
PUBLICIDADE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Cotidiano 26/06/2022 ás 19:00h
Empregos 26/06/2022 ás 18:10h
Ponta Grossa 26/06/2022 ás 18:00h
Publicidade
Bom Dia Astral 26/06/2022 ás 18:00h
Cotidiano 26/06/2022 ás 17:31h
Esporte 26/06/2022 ás 17:00h
Ponta Grossa 26/06/2022 ás 16:06h
Publicidade
Cotidiano 26/06/2022 ás 15:25h
Cotidiano 26/06/2022 ás 14:36h
Cotidiano 26/06/2022 ás 12:00h
Cotidiano 26/06/2022 ás 11:30h
Ver Mais
PUBLICIDADE

PONTA GROSSA

Ponta Grossa | 26/06/2022 ás 10:38h

Casal é preso com drogas ao lado do Aeroporto

Ponta Grossa 26/06/2022 ás 10:04h
Ponta Grossa 26/06/2022 ás 09:38h
PUBLICIDADE
Ponta Grossa 26/06/2022 ás 08:55h
Ponta Grossa 26/06/2022 ás 08:32h
Ponta Grossa 26/06/2022 ás 07:34h
PUBLICIDADE

COTIDIANO

Cotidiano | 26/06/2022 ás 11:00h

Obra sobre bitcoin e lavagem de dinheiro chega às livrarias

Cotidiano 26/06/2022 ás 08:07h
Cotidiano 25/06/2022 ás 19:15h
PUBLICIDADE
Cotidiano 25/06/2022 ás 16:42h
Cotidiano 25/06/2022 ás 14:58h
Cotidiano 25/06/2022 ás 11:20h
PUBLICIDADE

CAMPOS GERAIS

Campos Gerais | 25/06/2022 ás 16:19h

Homem acusado de estupro morre em troca de tiros

Campos Gerais 24/06/2022 ás 20:55h
Campos Gerais 24/06/2022 ás 20:50h
PUBLICIDADE
Campos Gerais 24/06/2022 ás 19:50h
Campos Gerais 24/06/2022 ás 19:15h
Campos Gerais 24/06/2022 ás 15:55h
PUBLICIDADE

MIX

Mix | 25/06/2022 ás 09:00h

Moda traz combinações aconchegantes para o inverno

Mix 25/06/2022 ás 06:30h
Mix 25/06/2022 ás 05:00h
PUBLICIDADE
Mix 24/06/2022 ás 13:43h
Mix 24/06/2022 ás 09:52h
Mix 24/06/2022 ás 06:30h
PUBLICIDADE

ESPORTE

Esporte | 25/06/2022 ás 11:40h

Operário conhece adversários na 2ª fase do Estadual Sub-17

Esporte 24/06/2022 ás 21:05h
Esporte 24/06/2022 ás 11:28h
PUBLICIDADE
Esporte 24/06/2022 ás 11:03h
Esporte 23/06/2022 ás 19:55h
Esporte 21/06/2022 ás 16:26h
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

VAMOS LER

Vamos Ler | 24/06/2022 ás 19:35h

Dinâmica aborda cuidados ambientais em Jaguariaíva

PUBLICIDADE

BOM DIA ASTRAL

Bom Dia Astral | 26/06/2022 ás 18:00h

Confira seu horóscopo desta segunda-feira (27/06)

EMPREGOS

Empregos | 26/06/2022 ás 18:10h

Confira as vagas de emprego desta segunda-feira (27/06)

PUBLICIDADE

MAIS LIDAS

Ponta Grossa | 23/06/2022 ás 14:45h

Mulher é encontrada morta em hotel de PG

Ponta Grossa 21/06/2022 ás 07:48h
Ponta Grossa 21/06/2022 ás 10:59h
Ponta Grossa 24/06/2022 ás 21:01h
Ponta Grossa 21/06/2022 ás 09:11h
PUBLICIDADE