PUBLICIDADE

Sepam une tradição, modernidade e segue como referência em PG

10ª edição do ‘O Melhor da Educação’ detalha as atividades do Colégio Sepam, que há 83 anos vem contribuindo com o desenvolvimento de Ponta Grossa

Estudantes do Sepam têm a oportunidade de aprenderem em um dos principais colégios de Ponta Grossa
Estudantes do Sepam têm a oportunidade de aprenderem em um dos principais colégios de Ponta Grossa -

Rodolpho Bowens

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Próximo de completar 85 anos em Ponta Grossa, o Colégio Pontagrossense Sepam continua sendo referência na educação. Unindo a sua tradição com as novas tecnologias, os alunos da instituição saem preparados para se destacar no Ensino Superior, bem como nas mais diversas áreas da sociedade. Com 83 anos de vida em Ponta Grossa, o Sepam se prepara para ampliar seu espaço, com novas salas de aula e ambientes escolares. Osni Mongruel Júnior, diretor do Colégio, destaca os diferenciais que tornam o Sepam uma das principais instituições de ensino de Ponta Grossa.

Iniciando suas atividades em 30 de outubro de 1939, o Colégio Pontagrossense Sepam teve a sua primeira turma em 1940, com os primeiros sete alunos formados em dezembro de 1942. Desde aquela época, até os dias de hoje, o Sepam se estruturou, se modernizou e ampliou a sua importância dentro da sociedade ponta-grossense. “É uma escola com uma tradição bastante grande, com mais de 80 anos de um bom serviço. Neste ano que Ponta Grossa completa 200 anos (em 2023), é um motivo de satisfação ainda maior, nós sabermos que contribuímos muito, sim, para que a cidade se tornasse essa referência”, diz em entrevista ao Portal aRede.

Estrutura e novo Ensino Médio

Em seus primeiros anos, o Sepam era mais direcionado a cursos profissionalizantes, com alunos mais adultos. Porém, com o passar dos anos, isso foi mudando. Hoje, o Colégio ponta-grossense trabalha, principalmente, com a Educação Básica: Educação Infantil – I a V; Ensino Fundamental I – 1º ao 5º ano; Ensino Fundamental II – do 6º ao 9º ano; além do Ensino Médio – 1º ao 3º ano. Porém, o Sepam, que tem sua sede principal em Ponta Grossa e outra em Castro, também se atenta para o Ensino Superior com o ‘Sepam Vestibulares’, além do ‘High School’.

Essa última ‘modalidade’ ocorre em parceria com a Universidade de Missouri, uma das 60 Instituições de Ensino Superior (IES) mais conceituadas dos Estados Unidos. “O aluno pode fazer, a partir do 9º ano do Ensino Fundamental, ele faz o que a gente chama de ‘dupla diplomação’. Ele tem aulas do currículo brasileiro, no período da manhã. Portanto, ele recebe um certificado válido aqui, além do governo americano”, comenta Mongruel.

Ainda no decorrer da entrevista, Osni faz uma avaliação da principal mudança, para ele, em 2022: o novo Ensino Médio. “Muda bastante o conceito, a forma de trabalho. Não é aquele Ensino Médio tradicional”, comenta. Agora, segundo ele, os estudantes têm uma carga horária de 1 mil horas, sendo 400 horas exclusivas para os “itinerários formativos”. “Nossos alunos optam por qual área querem seguir e podem fazer esse curso. Requer uma prática verdadeiramente diferente. Nossos alunos têm visitado museus, indústrias, organizações. Também há aulas de música, teatro, robótica, além do destaque para a prática esportiva”, completa.

Alunos têm diversas atividades escolares, que 'fogem' do tradicional ensino didático
Alunos têm diversas atividades escolares, que 'fogem' do tradicional ensino didático |  Foto: Divulgação/Sepam.

Referência para o Ensino Superior

Durante a conversa, Osni também destaca a preparação dos estudantes com o ‘pré-vestibular’. “É uma referência de sucesso, de aprovação, nas diversas universidades”, reforça. De acordo com o diretor do Sepam, nos anos que foram divulgados o ranking do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), o Sepam foi, por 11 anos seguidos, o colégio 1º colocado em Ponta Grossa. Além disso, Osni avalia a presença do Sepam no Processo Seletivo Seriado (PSS) da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG). “Em toda a história do PSS, o Sepam tem o maior número de aprovados. Isso vem do ensino forte em toda a Educação Básica”, garante.

Futuro e matrículas

Para 2023, Osni adianta que há um projeto para ampliar os espaços do Colégio Pontagrossense Sepam. “São novas salas de aula, uma nova área administrativa, da Biblioteca e um novo espaço para as nossas peças de teatro e apresentações culturais”, reforça. São duas etapas do projeto, com a conclusão prevista para 2024 – esse novo espaço fica junto ao colégio, que fica na rua General Carneiro, 1.171, no Centro de Ponta Grossa. O telefone é (42) 3225-2677.

Por fim, o diretor do Colégio relembra que as matrículas para o ano letivo de 2024 já estão abertas. Os interessados podem acessar o site da instituição clicando aqui. “Através desse cadastro, nossa equipe marca um agendamento para que a família vá até o colégio, para que ela conheça pessoalmente a nossa estrutura”, finaliza Mongruel – a estrutura de Castro fica na praça Sant’Ana do Iapó, 45, no Centro do Município. O telefone é (42) 4141-5054.

Ainda há o ‘Sepam Vestibulares’, que possui sede própria e fica na rua Bonifácio Vilela, 328, também na região central de Ponta Grossa – o telefone é (42) 3224-2300. Todas as informações sobre o Colégio Pontagrossense Sepam estão disponíveis na entrevista com o diretor da instituição aqui.

Para 2023 e 2024, Colégio Sepam passará por reformas para ampliar seu espaço em Ponta Grossa
Para 2023 e 2024, Colégio Sepam passará por reformas para ampliar seu espaço em Ponta Grossa |  Foto: Divulgação/Sepam.
PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE