Produção agrícola em 2019 é recorde ao somar R$ 361 bi

Aumento foi de 5,1%; destaque foi o milho, com mais de 100 milhões de toneladas

A produção agrícola nacional de cereais, leguminosas e oleaginosas somou, no ano passado, 243,3 milhões de toneladas, alta de 6,8% em comparação a 2018, com valor de produção recorde de R$ 361 bilhões e expansão de 5,1% sobre o ano anterior.

O destaque foi para o milho, que ultrapassou pela primeira vez 100 milhões de toneladas. A cultura do milho registrou 101,1 milhões de toneladas em 2019, mostrando aumento de 22,8% em relação à safra anterior. O algodão herbáceo (em caroço) também atingiu recorde de 6,9 milhões de toneladas, incremento de 39,1%, enquanto a cana-de-açúcar apresentou recuperação frente a 2018, com crescimento no valor de produção de 5,3% no ano passado.

Os dados constam da pesquisa Produção Agrícola Municipal 2019 (PAM 2019), divulgada nesta quinta-feira (1º) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Quanto à soja, a principal commodity (produto mineral e agrícola comercializado no mercado internacional) agrícola do Brasil, a área colhida cresceu 3,2%, mas o volume gerado caiu 3,1%, em razão de fatores climáticos adversos em alguns dos principais estados produtores (Paraná, São Paulo e Mato Grosso do Sul). Mesmo assim, os pesquisadores do IBGE analisaram que 2019 se consolidou com a terceira maior produção de soja na série histórica.

A área plantada no país totalizou 81,2 milhões de hectares (evolução de 3,3%), destacando aumento de 1,2 milhão de hectares para o cultivo de milho e de 1,1 milhão de hectares para cultivo da soja. A área colhida em 2019 foi de 80,6 milhões de hectares, com crescimento de 3,5% ante 2018.


Principais culturas

Em termos de valor da produção, as principais culturas ficaram assim divididas no ano passado: soja, com 34,8%; cana-de-açúcar (15,2%); milho (13,2%); café (4,9%). Primeira do ranking no valor da produção agrícola nacional, apesar da retração de 1,8%, a soja somou R$ 125,6 bilhões em 2019, seguida da cana, com R$ 54,7 bilhões (incremento de 5,3%), e o milho, com R$ 47,6 bilhõs (alta de 26,3%). Juntos, soja e milho responderam por 88,6% do volume total produzido pelo grupo de cereais, leguminosas e oleaginosas. 

A pesquisa do IBGE revela que no período de 1995 a 2019, a soja saiu da terceira colocação no ranking de maior valor da produção agrícola brasileira para o primeiro lugar, o que representou salto no valor nominal de 3.44%. Entre 1995 e 2019, o aumento da área colhida de soja atingiu 207,3%, passando de 11,7 milhões de hectares para 35,9 milhões de hectares. O volume de soja obtido também cresceu 344,9%, com rendimento médio dessa cultura da ordem de 44,8%, graças a investimentos feitos em pesquisa e tecnologia. 

O segundo maior acréscimo no valor da produção foi observado na cana-de-açúcar (1.225,9%), seguida do milho (1.216,1%). Esses aumentos são explicados pelos técnicos do IBGE como decorrentes dos avanços tecnológicos e da valorização do dólar frente ao real. O estado de Mato Grosso deteve, em 2019, a primeira posição no ranking de valor da produção, com participação de 16,2%, superando São Paulo (15,4%) que se destacou no cultivo de cana. Na terceira colocação, aparece o Rio Grande do Sul (11,4%), segundo maior produtor nacional de soja e primeiro de arroz.

As informações são da AEN

Sicredi realiza sorteio especial de R$ 500 mil em outubro,

Sicredi realiza sorteio especial de R$ 500 mil em outubro,...

Portos do Paraná adota teste do bafômetro

Portos do Paraná adota teste do bafômetro...

Debate entre prefeituráveis traz propostas para o futuro de PG

Debate entre prefeituráveis traz propostas para o futuro de PG...

RodoNorte integra campanha de conscientização sobre queimadas

RodoNorte integra campanha de conscientização sobre queimadas...

Ex-vereador acusado de tentativa de homicídio não está foragido

Ex-vereador acusado de tentativa de homicídio não está foragido...

Rapaz é baleado e morre na Palmeirinha

Rapaz é baleado e morre na Palmeirinha...

Elizabeth vai ampliar programas de qualificação e geração de empregos

Elizabeth vai ampliar programas de qualificação e geração de empregos...

“PG não pode silenciar diante do desmonte governista”, diz Professor Gadini

“PG não pode silenciar diante do desmonte governista”, diz Professor Gadini...

Candidatos destacam oportunidade de debater propostas para PG

Candidatos destacam oportunidade de debater propostas para PG...

Multas por crimes ambientais somam R$ 2,5 mi em oito dias

Multas por crimes ambientais somam R$ 2,5 mi em oito dias...

Aliel entrega veículos para APAE e Asilo de Imbituva

Aliel entrega veículos para APAE e Asilo de Imbituva...

Telêmaco Borba soma seis candidaturas à Prefeitura em 2020

Telêmaco Borba soma seis candidaturas à Prefeitura em 2020...

Engie doa R$ 500 mil para ajudar hospitais no Paraná

Engie doa R$ 500 mil para ajudar hospitais no Paraná...

Confira a Coluna RC desta Quinta-Feira (01-10)

Confira a Coluna RC desta Quinta-Feira (01-10)...
Comentários

Deixe uma resposta

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Últimas Notícias

Capa do Dia

CHARGE DO DIA

REDES SOCIAIS