Brasil pode parar

A sociedade recebeu com preocupação o indicativo de nova paralisação dos caminhoneiros. E não poderia ser diferente. A última greve geral, ocorrida há dois anos, afetou diretamente e economia do país. Supermercados chegaram muito próximo ao desabastecimento e postos de combustíveis zeraram os seus estoques.  Eles bloquearam estradas e impediram a circulação até de itens essenciais, como alimentos, gás de cozinha e combustíveis. Serviços básicos, como transportes públicos, foram prejudicados.

Caminhoneiros autônomos de todo o país preparam uma mobilização para começar nesta quarta-feira (4). Por meio do whatsApp, eles organizam manifestações para Ponta Grossa e em outras diversas cidades. Fazem isso para pressionar o Supremo Tribunal Federal (STF) a julgar constitucional a lei que estabeleceu o piso mínimo dos fretes. O julgamento deveria acontecer hoje, mas foi adiado.

Os caminhoneiros não descartam uma paralisação nacional caso o STF julgue a tabela de fretes inconstitucional. No entanto, a categoria confia na decisão favorável da corte e analisa que o julgamento pela constitucionalidade da lei vai facilitar o fechamento dos acordos coletivos com embarcadores e transportadoras sobre os preços dos fretes.

Nessa terça-feira (3), através de nota, a Associação Brasileira dos Caminhoneiros (Abcam) afirma acompanhar de perto as discussões vigentes nos órgãos superiores e a movimentação da categoria a respeito da tabela de fretes. A entidade representa os interesses de, aproximadamente, 600 mil caminhoneiros autônomos em todo o país. Por ora, não se posicionará com relação à greve, pois ainda lida com o ônus judicial gerado pela paralisação de 2012, em São Paulo e a paralisação nacional de 2018. 

Coluna RC desta quarta-feira (04/09)

Coluna RC desta quarta-feira (04/09)...

Piraí do Sul pretende gastar R$ R$ 15 milhões em revitalização

Piraí do Sul pretende gastar R$ R$ 15 milhões em revitalização...

Revitalização das rotatórias em Carambeí transmite cultura

Revitalização das rotatórias em Carambeí transmite cultura...

Souza Naves soma 10 mortes e 96 acidentes em menos de dois anos

Souza Naves soma 10 mortes e 96 acidentes em menos de dois anos...

Caminhoneiros já tem data definida para ‘fechar’ estradas em PG

Caminhoneiros já tem data definida para ‘fechar’ estradas em PG...

CPS oferta renegociação de dívidas em contratos de asfalto

CPS oferta renegociação de dívidas em contratos de asfalto...

Paraná vai abrir concurso para PM, Civil e Depen

Paraná vai abrir concurso para PM, Civil e Depen...

Inadimplência de IPTU na região central chega a 42%

Inadimplência de IPTU na região central chega a 42%...

Estudante de PG participa de Bienal Internacional do Livro

Estudante de PG participa de Bienal Internacional do Livro...

Tibagi agenda solicitações de seguro-desemprego

Tibagi agenda solicitações de seguro-desemprego...

Inquéritos policiais passam a ser 100% digitais no Paraná

Inquéritos policiais passam a ser 100% digitais no Paraná...

Mulher é estuprada durante assalto na região

Mulher é estuprada durante assalto na região...

Teatro apresenta vida e obra de Shakespeare a alunos

Teatro apresenta vida e obra de Shakespeare a alunos...

Expo&Flor movimenta PG e ajuda projetos sociais

Expo&Flor movimenta PG e ajuda projetos sociais...
Comentários

Deixe uma resposta

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Últimas Notícias

Capa do Dia

CHARGE DO DIA

REDES SOCIAIS