Apenas 21% das empresas do PR conseguiram empréstimos

Pesquisa do Sebrae aponta que quase 50% delas tiveram o crédito negado por instituições financeiras

Obter empréstimo para contornar a crise desencadeada pela pandemia do novo coronavírus tem sido um dos principais desafios dos pequenos negócios. A 4ª edição da pesquisa Impacto da Pandemia do Coronavírus, realizada pelo Sebrae em parceria com a Fundação Getúlio Vargas (FGV), mostra que 21,3% dos pequenos negócios no Paraná conseguiram obter crédito junto às instituições financeiras. Outros 31,1% ainda aguardam respostas e 47,7% tiveram o crédito negado. O percentual é maior que a média no Brasil, que é de 16% de sucesso na obtenção de crédito. 

"Nos países desenvolvidos, existem políticas de crédito a juros zero porque os pequenos negócios são essenciais para o funcionamento do sistema econômico. No Brasil, o crédito continua caro e burocrático. Elas são 99% das empresas e respondem por a maior parte dos empregos. Em tempos de pandemia, a prioridade deveria ser manter as empresas vivas. Se não socorrermos as empresas que precisam de crédito, não vai haver empresa para voltar a produzir e não sairemos dessa crise tão cedo”, explica o presidente do Sebrae, Carlos Melles, ao analisar o cenário nacional. 

Segundo os entrevistados paranaenses, a falta de garantias ou avalistas foi a principal razão (22,4%) apontada pelos bancos para a negativa de crédito. O CPF negativado ou com restrições também foi citado por 18,4% dos empresários para a negação dos empréstimos. Outros 12,2% afirmaram que o banco não informou o motivo. A maioria (22,9%) solicitou empréstimo entre R$ 5.001,00 e R$ 10.000,00. Outros 20,9% pediram entre R$ 10.001,00 e R$ 20.000,00 e 14,2% entre R$ 10.001,00 e R$ 30.000,00. 

No Brasil, o CPF com restrições foi a principal razão (19%) para a não concessão de crédito. A negativação no CADIN/Serasa também foi citada por 11% dos entrevistados para a negação dos empréstimos, este foi o quarto item mais citado. Outros 11% dos empresários ouvidos afirmaram que a falta de garantias ou avalistas teria sido o principal obstáculo.


Empresas perderam faturamento

A pesquisa mostra ainda que, no Paraná, 48,1% dos entrevistados mudaram o funcionamento da empresa com a pandemia, 39,4% interromperam as atividades temporariamente, 8,8% não mudaram a forma de trabalho e 3,7% decidiram fechar a empresa de vez. Entre os que fecharam seus negócios, 29% pretendem abrir outra empresa, 20% vão procurar outro emprego, 16,8% vão criar um negócio informal, 11% querem ser autônomos e 4,5% pretendem se aposentar. Conforme o levantamento, a pandemia afetou o faturamento de 86,9% dos entrevistados, com uma redução média de 61%. 


As informações são da assessoria de imprensa

Alorino anuncia live show beneficente de humor

Alorino anuncia live show beneficente de humor...

Fórum Nacional de Incentivo da Cadeia Leiteira começa dia 6

Fórum Nacional de Incentivo da Cadeia Leiteira começa dia 6...

Heineken 0.0 começa a ser vendida no mercado nacional

Heineken 0.0 começa a ser vendida no mercado nacional...

PG ganha o prêmio ‘Prefeito Amigo da Criança”

PG ganha o prêmio ‘Prefeito Amigo da Criança”...

Rangel anuncia toque de recolher por 14 dias em PG

Rangel anuncia toque de recolher por 14 dias em PG...

Câmara aprova adiamento das eleições para novembro

Câmara aprova adiamento das eleições para novembro...

Confira a Coluna RC desta Quarta-Feira (01-07)

Confira a Coluna RC desta Quarta-Feira (01-07)...

Confira seu horóscopo para esta Quarta-feira (01/07)

Confira seu horóscopo para esta Quarta-feira (01/07)...

PG e a simbologia do pássaro

PG e a simbologia do pássaro...

Charge da edição desta quarta-feira (1/07/2020) do JM

Charge da edição desta quarta-feira (1/07/2020) do JM...

Região tem saldo positivo na geração de emprego no ano

Região tem saldo positivo na geração de emprego no ano...

Lockdown e liberdade de locomoção

Lockdown e liberdade de locomoção...

Capa da edição desta quarta-feira (1/07/2020) do JM

Capa da edição desta quarta-feira (1/07/2020) do JM...

Super Muffato Olarias recebe investimento de R$ 15 mi

Super Muffato Olarias recebe investimento de R$ 15 mi...
Comentários

Deixe uma resposta

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Últimas Notícias

Capa do Dia

CHARGE DO DIA

REDES SOCIAIS