PUBLICIDADE

A digitalização no Agronegócio: caminhos para o crescimento sustentável do setor

Imagem ilustrativa da imagem A digitalização no Agronegócio: caminhos para o crescimento sustentável do setor

Por Leila Santos

O fenômeno da digitalização está transformando profundamente o funcionamento de negócios dos setores mais distintos da economia. Do ponto de vista organizacional, a digitalização corresponde a uma mudança no processo e na organização do trabalho a partir da integração das novas tecnologias disponíveis no mercado. A ampla aceitação do conceito no mundo corporativo é notável e, quando falamos do Agronegócio, a adesão às tendências tecnológicas é imprescindível para o desenvolvimento do setor. No cenário do campo, produtores rurais têm a oportunidade de crescer de forma segura e sustentável com o apoio da tecnologia.

Certamente, empreender no Agronegócio envolve inúmeras dificuldades e desafios. As agressivas mudanças climáticas e a limitação de insumos impactam significativamente toda a lógica de produção agrícola. Nesse contexto, a aplicação de tecnologias modernas para reconstruir a prática da agricultura globalmente se tornou uma demanda importante para os executivos do setor. Aliado a isso, a inteligência de dados ganha cada vez mais espaço, tendo em vista que reduzir custos e aumentar a eficiência das operações são necessidades cruciais para o crescimento das empresas da indústria.

O papel dos dados na modernização do Agronegócio

A análise de dados é uma etapa crítica para melhorar as operações de negócios em todos os setores. Na agricultura, a digitalização abriu caminho para uma ampla modernização nesse sentido. O monitoramento em tempo real da produtividade agrícola combinado com atualizações periódicas permite que uma tomada de decisão mais assertiva. Isso contribui para um enfrentamento mais eficiente das dificuldades operacionais características do setor. Com a ajuda de dados precisos, é possível combater os desafios ambientais e otimizar as atividades da cadeia de suprimentos com base em insights oportunos.

Ferramentas digitais de análises de dados estão contribuindo para a eficiência no plantio, com o desenvolvimento de novas variedades, seleção de culturas, previsão de doenças e pragas, elevando o rendimento das plantações. O uso de produtos químicos orientado por dados, contido e preciso, não apenas melhora os lucros dos negócios, mas também a impacta a sustentabilidade.

Nesse cenário, os sistemas de gestão integrada ganharam protagonismo no Agronegócio. Com a capacidade de processar um alto volume de dados, integrando diferentes etapas do processo produtivo, a modernização do setor passa diretamente pela implementação dos ERPs.

As vantagens da gestão unificada das operações

As empresas do Agronegócio estão enfrentando pressões crescentes para manter os preços baixos, satisfazer as demandas dos clientes e permanecer em conformidade com os crescentes mandatos regulatórios. Os softwares de gestão integrada se apresentam como aliados interessantes nesse cenário que envolve desafios de alta complexidade. Esses sistemas, também conhecidos como ERPs, são ferramentas projetadas para auxiliar no planejamento de recursos empresariais, e podem ajudar a resolver muitas das dificuldades que acompanham as organizações do Agronegócio.

A importância do software de ERP na indústria do Agronegócio é alta, pois pode agilizar todos os processos, incluindo compras, produção e distribuição. Assim, um ERP escalável para o setor promove uma gestão unificada do negócio, proporcionando a manutenção eficiente das operações e oferecendo uma gestão assertiva da cadeia de suprimentos. Um ERP abrangente pode facilitar os negócios com vários módulos, desde a contabilidade, compras e vendas, até o estoque e outras divisões administrativas.

Começando com a modernização da forma como a agricultura é realizada, e criando mais valor para todas as partes interessadas no ecossistema para fornecer alimentos nutritivos para as pessoas em todo o mundo, a digitalização está incentivando um progresso de amplo espectro no setor. Esses avanços em modernidade constituem uma nova forma de entender e praticar o Agronegócio.

Em suma, a transparência que as inovações oferecem permite que os produtores gerenciem a oferta e a demanda, ao mesmo tempo em que adotam as melhores práticas para um futuro sustentável.

*Leila Santos é Sócia Diretora da Actionsys. Entusiasta de tecnologia, com mais de 14 anos de atuação na área, e graduada em Administração de Empresas.  

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

MAIS DE DEBATES

HORÓSCOPO

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

DESTAQUES

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

MIX

HORÓSCOPO

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE