Pandemia "não está nem perto do fim", alerta OMS

Organização diz que é enganosa ideia de que Ômicron é menos agressiva

O diretor da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, advertiu sobre a ideia "enganosa" de que a Ômicron é menos agressiva.  Ao fazer um balanço da evolução da pandemia, durante entrevista em Genebra, na Suíça, ele afirmou que a variante continua a varrer o planeta. "Não se enganem, a Ômicron causa hospitalizações e mortes, e mesmo os casos menos graves estão sobrecarregando as unidades de saúde" com números diários que atingem novos recordes na Europa.

A OMS prevê a possibilidade de outras variantes surgirem, provenientes do crescimento da Ômicron em nível global. "Novas variantes provavelmente surgirão, e é por isso que o rastreamento e a avaliação permanecem críticos", afirmou Tedros Adhanom.

Ele disse que continua particularmente preocupado com muitos países que tem baixas taxas de vacinação, já que as pessoas correm muito mais risco de doenças graves e morte se não forem imunizadas.

O aumento da transmissibilidade da Ômicron terá impacto, sobretudo, em países com menor taxa de vacinação, diz Mike Ryan, responsável pela resposta de emergência em saúde pública da OMS.

"Um aumento exponencial de casos, independentemente da gravidade das variantes individuais, leva ao aumento inevitável de hospitalizações e mortes", acrescentou Ryan.

Pico de infecções na Europa

As evidências de propagação da Ômicron por todo o continente são claras, com as autoridades de vários países europeus registrando novos recordes de infecções nos últimos dias.

A França notificou quase meio milhão de casos diários nessa terça-feira (18), quatro vezes mais que o dia anterior.

A Alemanha registrou, pela primeira vez desde o início da pandemia, mais de 100 mil novas infecções.

As autoridades dinamarquesas relataram recorde de 33,49 mil novos casos diários de covid-19 nas últimas 24 horas. A Itália registrou 228,17 mil novas infecções, contra 83,4 mil no dia anterior.

Portugal também teve novo recorde de casos ontem, com mais 43,72 mil infecções e 46 mortes, número maior desde fevereiro. As internações voltaram a aumentar, com 1,95 mil pessoas, das quais 160 em cuidados intensivos.

Na última semana, a OMS estima que a Ômicron chegou a 18 milhões de novas infecções em todo o mundo.

Indícios de abrandamento

A Irlanda informou que o número de novas infecções começou a cair nos últimos dias. O ministro da Saúde, Stephen Donnelly, disse à emissora pública RTÉ que as restrições determinadas no Natal e ano-novo podem ficar mais brandas até o fim deste mês".

Na Espanha, a Ômicron também mostra indícios de abrandamento. Autoridades espanholas afirmaram que novas infecções começaram a diminuir

O Reino Unido também anunciou queda nos casos diários, e o governo deve rever as medidas restritivas em vigor, já que os números mais recentes são "encorajadores".

O diretor da OMS mantém-se cauteloso e lembra que a Ômicron não é benigna. "Em alguns países, os casos de covid-19 parecem ter atingido o pico, dando esperança de que o pior da última onda já passou, mas nenhum país está fora de perigo", concluiu Tedros Adhanom.

*Com informações da RTP - Rádio e Televisão de Portugal.

Sanches Neto e Demiate garantem ‘reitoria para todos’

Em entrevista para o Portal aRede, lideranças dizem estar “animadas” para iniciar os trabalhos na no ...

Invicto em casa, Operário recebe Ponte Preta

Fantasma não sabe o que é perde em casa há 15 jogos. Time deverá sofrer poucas mudanças ...

FMS abre processo para credenciamento de médicos

As vagas são para atendimento médico especializado de urgência e emergência ...

UEPG sobe 66 posições em ranking global de inovação

Segundo avaliação, instituição se mantém em 3ª entre as Universidades Estaduais do Paraná ...

Colégio recebe apresentação do projeto “Música Para Todos”

Colégio Estadual Senador Correia recebe apresentação do projeto “Música Para Todos” ...

PG convoca 70 novos professores de concurso público

Profissionais aprovados em Concurso Público e Teste Seletivo deverão se apresentar na próxima terça ...

Prefeitura abre inscrições para cursos gratuitos de turismo

Programa Turismo em Foco disponibilizará cursos em turismo religioso e alimentação ...

Prefeitura substitui pontilhões em comunidades de PG

Entrega de nova estrutura para moradores da Vila Francelina ocorreu nesta quinta-feira (14) ...

Prefeitura promove o espetáculo “Todos os nós"

Apresentações acontecem de quarta-feira a sábado no Cine-Teatro Ópera. A entrada é gratuita ...

Oferta de emprego atrai milhares de pessoas em PG

Mais de 450 vagas de emprego foram ofertadas à população, inclusive as 160 disponibilizadas pelo Mar ...

SOS Alegria realiza oficina de treinamento para o elenco

Medida visa atualizar os voluntários efetivos para retorno gradual das atividades ...

Publicidade Legal - 15/04/2022

Publicidade Legal - 15/04/2022 ...

Giorgia é a primeira mulher eleita presidente da Acipg

Ela assume a associação pelo período de dois anos; seu vice é Leonardo Puppi Bernadi. Posses serão e ...

Abandono das estradas após pedágio preocupa TCE-PR

Conselheiro demonstrou preocupação com o estado de abandono das rodovias estaduais e federais que fa ...
Comentários

Deixe uma resposta

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Últimas Notícias

Capa do Dia

REDES SOCIAIS