PUBLICIDADE

Marrocos enfrenta França e busca fazer história na Copa

Partida acontece nesta quarta-feira (14), a partir das 16h; vencedor disputará a grande final contra a Argentina

Seleção marroquina foi a primeira africana a chegar em uma semifinal de Copa do Mundo
Seleção marroquina foi a primeira africana a chegar em uma semifinal de Copa do Mundo -

Agência Brasil

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

A surpreendente Seleção de Marrocos enfrenta a França, a partir das 16h (horário de Brasília), desta quarta-feira (14) no Estádio de Al Bayt, em busca de uma vaga na grande decisão da Copa do Mundo FIFA 2022 no Catar.

O confronto desta quarta coloca frente a frente a atual campeã França e um Marrocos que tenta chegar pela primeira vez a uma decisão de Mundial.

Para os marroquinos, a presença em uma semifinal de um Mundial de seleções já é um fato histórico, pois eles se tornaram a primeira equipe africana nesta fase da competição. Segundo o técnico Walid Regragui, uma das explicações para a histórica classificação de sua equipe é o trabalho em equipe. “Todos estão trabalhando, todos estão dando o melhor em todos os sentidos, e jogamos um jogo coletivo, sempre com bom espírito”, declarou em entrevista coletiva.

Segundo o treinador, sua equipe entrará no gramado na condição de zebra. Porém, ele afirma que esta é uma situação que não o incomoda. “Sei que não somos favoritos, mas estamos confiantes. Você pode pensar que estou doido, mas acho que um pouco de loucura é bom”, brinca.

Se no gramado o Marrocos tem se notabilizado pelo esforço e entrega, fora a torcida tem sido uma fonte de força extra, o que, segundo o técnico francês Didier Deschamps, não é uma preocupação. “Eles se beneficiam de um enorme apoio. Já vi isso e meus observadores me falaram. Sabemos que será extremamente barulhento, faz parte do contexto e teremos que estar prontos para isso”, avalia.

Quem também destaca o ambiente formado pela torcida marroquina nas partidas da Copa é o capitão da França, o goleiro Hugo Lloris, que garante que a sua equipe está pronta para enfrentar o ambiente hostil. “Eles [marroquinos] têm muitas qualidades dentro e fora do campo em termos de coesão. O ambiente será hostil, mas estamos nos preparando calmamente. Teremos que estar prontos para subir de nível mais uma vez”, finaliza.

Final da Copa

Quem avançar na semifinal entre França e Marrocos enfrentará a Argentina, que na última terça-feira (13), superou a Croácia por 3 a 0 para se tornar o primeiro finalista. A grande decisão da competição será disputada, a partir das 12h (horário de Brasília), do próximo domingo (18), no Estádio de Lusail.

Com informações: Agência Brasil.

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE