Após nova derrota, Operário demite Claudinei Oliveira

Claudinei deixa o comando do Alvinegro com pior campanha do primeiro turno, desde o retorno do clube à Série B, em 2019

Claudinei deixa o comando do Alvinegro com pior campanha do primeiro turno, desde o retorno do clube à Série B
Claudinei deixa o comando do Alvinegro com pior campanha do primeiro turno, desde o retorno do clube à Série B -

Andre Bida

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Claudinei deixa o comando do Alvinegro com pior campanha do primeiro turno, desde o retorno do clube à Série B, em 2019

A diretoria do Grupo Gestor do Operário Ferroviário informou, no começo da madrugada desta quinta-feira (21), o desligamento do treinador Claudinei Oliveira do comando técnico do clube. 

Claudinei deixa o comando do Alvinegro com 20 pontos, na 15ª colocação e a pior campanha do primeiro turno, desde o retorno do clube à Série B, em 2019. Em nota oficial, a direção do Operário Ferroviário agradeceu o treinador pelos serviços prestados e deseja sucesso na continuidade da carreira. 

Para a partida desta segunda-feira (25), contra a Tombense, o time será comandado interinamente por Sandro Forner, técnico do time sub-20 do Operário.

Nova derrota foi o 'fim da linha' para Claudinei

O algoz da vez foi o Grêmio Novohorizontino, que venceu por 2 a 1, em partida válida pela 19ª rodada da competição. Jogando na casa do adversário, o Alvinegro amarga o quarto jogo sem vencer, acumula 20 pontos e fecha o pior primeiro turno, desde o retorno à Série B.

Pior primeiro turno desde o retorno à Série B

Além da fase negativa, o Operário amarga a pior colocação e pontuação do primeiro turno desde o retorno à Série B, em 2019. Com 20 pontos conquistados e estando na 15ª colocação, o time de Vila Oficinas entra pela primeira vez para o segundo turno da competição com chances reais de entrar na zona de rebaixamento.

No retorno a Série B, em 2019, o Fantasma terminou o primeiro turno na 6ª posição, com 28 pontos. Na época, o time era comandado por Gerson Gusmão. Em 2020, o Operário terminou o primeiro turno na 12ª colocação, com 23 pontos. O elenco era comandado pelo recém contratado Mateus Costa. No ano passado, o Alvinegro obteve a melhor pontuação no primeiro turno, terminando em 9º colocado, com 29 pontos. O time daquela época ainda era comandado por Mateus Costa.