PUBLICIDADE

Presidente da Ucrânia avalia entrada na Otan

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, disse durante um pronunciamento na televisão que estava disposto a negociar sobre qualquer assunto com o presidente russo Vladimir Putin. O discurso foi feito antes e começar o ataque à capital, Kiev, que se iniciou às 4h locais desta sexta-feira (25).

O discurso foi feito antes do começo do ataque à capital, Kiev, que se iniciou às 4h locais.
O discurso foi feito antes do começo do ataque à capital, Kiev, que se iniciou às 4h locais. -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Zelesnky comentou a possibilidade de o país adotar um “status neutro”

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, disse durante um pronunciamento na televisão que estava disposto a negociar sobre qualquer assunto com o presidente russo Vladimir Putin. O discurso foi feito antes do começo do ataque à capital, Kiev, que se iniciou às 4h locais.

Zelesnky comentou a possibilidade de o país adotar um “status neutro”, o que significaria o abandono da ambição de entrada na Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan).

“Não temos medo de falar sobre nada. Sobre garantias de segurança para nosso país. Não temos medo de falar sobre o status neutro, e não estamos na Otan no momento” disse, antes de ressaltar a preocupação de tornar a Ucrânia mais vulnerável. “Mas que garantias e, mais importante, quais países específicos nos dariam [garantias]?”.

Em outro pronunciamento, desta vez após os ataques, o presidente reforçou o pedido de negociações em uma mensagem de vídeo divulgada pelo Telegram. “Eu quero mais uma vez fazer um apelo ao presidente da Federação Russa. Vamos sentar na mesa de negociações e parar as mortes”.

As informações são do portal Metrópoles.

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE